Visita guiada (por Andrea Venturi) à exposição “Tex Gigante – I pioneri” no 18º Salão Internacional de BD de Viseu

Por José Carlos Francisco (texto), Cristina Amaral (fotos) e Orlando Santos Silva (fotos e vídeo)

Visita guiada (por Andrea Venturi) à exposição dedicada ao Tex Gigante – I pioneri

Após a Cerimónia de Inauguração do 18º Salão Internacional de Banda Desenhada de Viseu, no dia 10 de Agosto, Andrea Venturi disponibilizou-se de pronto para na companhia dos muitos interessados, fazer uma visita guiada à exposição dedicada ao seu recente Tex Gigante “I pioneri“.


.

Andrea Venturi, um autor magnífico que desenha extraordinariamente bem (é de um cuidado extremo na recolha de elementos para as suas histórias conforme explicou durante o evento) é de uma empatia inacreditável para com o público e isso foi bem visível para todos.


.

Durante a visita guiada à exposição, Venturi sempre rodeado por muita gente interessada em o acompanhar, não se cansava de explicar a maneira como desenhou determinada vinheta, a técnica utilizada (tudo a pincel, mesmo os traços mais finos), os cenários autênticos onde a acção se desenrola (captados através de fotografias, de filmes ou documentários), a maneira como Tex deve ser desenhado… além disso, através da visão e apreciação ao pormenor das pranchas no seu tamanho original, apercebe-se que entre a prancha desenhada pelo autor e a página que será impressa, por vezes há algumas mudanças, umas mais subtis, outras menos.


.

Foi, realmente, (mais) um momento extraordinário (como as várias fotografias e o vídeo – onde fala das dimensões da prancha – que ilustram este texto, provam) deste 18º Salão Internacional de Banda Desenhada de Viseu, que certamente todos guardarão na sua memória…

Orlando Santos Silva, Andrea Venturi e a prancha inicial do Tex Gigante “I pioneri”

(Para aproveitar a extensão completa das imagens acima, clique nas mesmas)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *