Cenário da exposição “As Cidades do Tex” e os bastidores da 17ª Edição do Salão Internacional de Banda Desenhada de Viseu

Por José Carlos Francisco (texto) e Carlos Alberto Almeida (fotos)

O blogue do Tex tem o prazer de mostrar hoje as primeiras fotografias dos bastidores do 17º Salão Internacional de Banda Desenhada de Viseu, mais precisamente da montagem das exposições que estão ainda na fase inicial, com especial destaque para a exposição dedicada às Cidades do Tex e que contará com 18 pranchas da autoria de Fabio Civitelli, autor italiano que estará presente na cidade de Viseu no fim de semana de 10 e 11 deste mês de Setembro, assim como de uma imponente ilustração de Tex a cavalo, com 2 metros de altura, que embelezará ainda mais o local, para além de vários textos dedicados a Tex anteriormente publicados no BDJornal.

Cenário da exposição dedicada Às Cidades do Tex no 17º Salão Internacional de Banda Desenhada de Viseu

As fotografias referem-se à montagem do núcleo principal de exposições do Salão de Viseu, com destaque para a sala dos premiados Fabio Civitelli e Eugénio Silva e graças a elas  poderemos antever que tudo estará a postos para a inauguração do grandioso evento Viseense, que ocorrerá então no dia 10 de Setembro pelas 17 horas, por isso caros Texianos, todos a galope para Viseu!


(Para aproveitar a extensão completa das fotografias acima, clique nas mesmas)

12 Comentários

    • Mestre Tony Fernandes, como o texto diz, “A inauguração do grandioso evento Viseense, ocorrerá no dia 10 de Setembro pelas 17 horas

      Olá Helenice, mesmo estando você este ano ausente neste evento português, você será lembrada em Viseu pelo Fabio Civitelli e pelos inúmeros amigos e amigas que você fez em Portugal, um pouco graças ao nosso Tex, pois no fundo é graças ao Ranger que somos todos grandes e sinceros Amigos.

      Aqui de casa, as meninas agradecem e retribuem os beijinhos 🙂

      Quanto aos restantes pards que forem a Viseu, estou ansioso para vos rever e estar convosco vendo as preciosidades que o Civitelli trará e conversando sobre o nosso Tex, mas atenção, aquele imponente Tex a cavalo já tem dono eh, eh, eh, eh

      Aos que não puderem comparecer, nada de tristezas, até porque há mais marés do que marinheiros e certamente no futuro haverá novas oportunidades para comparecerem em eventos texianos a realizar no nosso país, inclusive com a presença de autores, mas se tiverem a mínima chance de irem a Viseu, não hesitem… verão como valerá (muito) a pena… 🙂

  1. Zeca
    Que pena que não estou. Acho que vai ser bárbaro. Esses painéis gigantes do Civitelli, se ninguém ficar com eles no final, eu fico. E vocês vão passar o fim de semana em Viseu. Mando beijos aos amigos, quem sabe no próximo ano posso ir. É um sonho, quem sabe. Beijos às meninas da sua casa.

  2. Quero o cavalo.
    Mais nada.
    Vou tentar ir pelo menos no dia 10 (dia da inauguração) para ver os meus “pards” amigos.

  3. Grande ZeCa,
    este post é TEXrrivelmente malévolo: é que ainda falta uma semana para se poder ver in loco esta exposição que vai ser de certeza, pelo que se vê nos bastidores mostrados, mais uma grande homenagem ao TEX e a CIVITELLI! Grande post (mais um) e magnífico desenho do Tex a cavalo. Até Viseu.

  4. Caramba! Desenhos impecáveis estampados em molduras mais impecáveis ainda… já dá prá antever o que proporcionará esta mostra internacional de quadrinhos em Viseu. Novamente uma magoazinha pela distancia física do evento. Felizmente, os texianos tem se revelado mais e mais surpreendentes com as reportagens virtuais – exemplo este. Saudações aos “pards” que se fizerem presente e aos internautas. Abraço Zeca, abraço ao Civitelli e demais entusiastas da “nona arte”!
    Nei.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.