Cancelada a presença de Carlo Ambrosini no Coimbra BD

Cancelada a presença de Carlo Ambrosini no Coimbra BD

Se o Blogue do Tex foi o primeiro órgão de informação a anunciar a presença, no Coimbra BD, do consagrado desenhador italiano Carlo Ambrosini, pertencente aos quadros da Sergio Bonelli Editore, onde desenhou, entre outros, Ken Parher, Dylan Dog, Napoleone, Jan Dix, Le Storie e Tex, também somos os primeiros a anunciar o cancelamento da sua presença no evento conimbricense durante este próximo fim de semana.

O agravamento, nos últimos dias, das condições de saúde a nível populacional, sobretudo em Itália, mas também em Portugal, devido ao surto de coronavírus Covid-19 que tem provocado um aumento do número de casos na Europa como é de conhecimento público, impedem a viagem de Carlo Ambrosini ao nosso país.

Trata-se de um duro golpe para a quinta edição da Coimbra BD — Mostra Nacional de Banda Desenhada que vai decorrer entre quinta-feira e domingo, na Casa Municipal da Cultura, com exposições, oficinas, apresentações de livros e um desfile de cosplay, já que Carlo Ambrosini era a principal estrela do evento, sendo inclusive o único convidado internacional deste ano e a sua não presença certamente fará com que alguns fãs e admiradores do escritor e desenhador italiano e das personagens por si realizadas, deixem de comparecer em Coimbra, apesar de toda a restante programação, onde se inclui a presença de 12 autores nacionais (Álvaro Santos, André Oliveira, Bernardo Majer, Carlos Zíngaro, Fernando Dordio, Filipe Abranches, Luís Louro, Mário Freitas, Miguel Jorge, Paulo Monteiro, Pedro Cruz e Zé Burnay), para além de editores e livreiros especializados da área, se manter inalterável.

Também continua confirmado para Coimbra, apesar da ausência do autor italiano, o lançamento, pelA Seita de “Dylan Dog: O imenso adeus (publicada originalmente no número 74 da série mensal; Novembro de 1992), um livro  com argumento de Mauro Marcheselli, guião de Tiziano Sclavi e arte do genial Carlo Ambrosini, sendo a capa da autoria de Corrado Roi.

Carlo Ambrosini já não vem ao Coimbra BD

A iniciativa, organizada pela Câmara de Coimbra, é de entrada livre. Entre quinta-feira e sábado, a mostra pode ser visitada entre as 10h e as 22h e, ao domingo, entre as 10h e as 18h.

(Para aproveitar a extensão completa  das imagens acima, clique nas mesmas)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.