Salão MouraBD2007 em destaque no editorial de Tutto Tex 436

Tutto tex nº 436Uma vez mais, o editor italiano de Tex e responsável pela editora com o seu nome, Sergio Bonelli, dedica um novo editorial de uma edição italiana de Tex, a Portugal.
Desta vez para falar da presença de Tex Willer (e Fabio Civitelli) no XVI Salão Internacional de Moura. Tal aconteceu, em Tutto Tex nº 436, datado de Julho de 2007.

É mais uma prova inequívoca da importância que Sergio Bonelli,  que também no passado, usando o pseudónimo Guido Nolitta, escreveu histórias de Tex (e outras personagens) deu a este evento português.
Eis o seu texto que damos a conhecer abaixo a todos os interessados.

Caros amigos,
se eu fosse um general, daqueles de antigamente, daqueles que combatiam nas guerras das trincheiras, fincaria orgulhosamente uma bela bandeirola no mapa acima, e que representa um pedaço de Portugal.

No último mês de Maio a pequena cidade de Moura, organizadora da décima sexta edição do seu Salão Internacional de BD, foi oficialmente “conquistada” por Tex.
O “MouraBD2007″ (esse o nome da manifestação) dedicou ao nosso inoxidável Ranger do Texas, como se pode ver na imagem aqui ao lado, tanto um espaço em seu cartaz (assinado por Claudio Villa) como uma mostra que apresentava ao público lusitano, em antestreia, a “nova vaga”, isto é, a “nova onda” de desenhadores texianos.

O acontecimento é duplamente gratificante para todos nós porque – como já tive ocasião de escrever nestas páginas – os leitores residentes em Portugal não podem contar com uma edição nacional, mas devem “contentar-se” com os exemplares distribuídos no mercado pela editora brasileira Mythos.

Infelizmente, em razão de uma série de compromissos inadiáveis, não consegui ir pessoalmente a Moura. Mas o porta-bandeira que nos representou foi um autor de respeito, o texiano ”VIP” Fabio Civitelli que, para alegria dos visitantes, autografou um desenho (visto abaixo, à direita) feito especialmente para o Salão e que representa Tex enquadrado perto de uma construção característica da bela localidade do sul do País.

Nem preciso dizer que, na origem dessa explosão de paixão pelo nosso Ranger, está o dedinho do nosso “homem em Portugal”, José Carlos Francisco, entusiasta e incansável campeão dos coleccionadores portugueses.
Um abraço.
Sergio Bonelli.

Texto traduzido por Júlio Schneider, tradutor e consultor Bonelliano da Mythos Editora no Brasil.

Sergio Bonelli e o MouraBD2007

3 Comentários

  1. Zeca,

    Novamente escrevendo seu nome das páginas de Tex. Mais valioso ainda, por ser na edição natal de Tex.

    Grande abraço

    Alvarez

  2. Estou sem palavras!! Parabéns Zé Carlos, e a todos os que ajudaram na organização do evento!
    Acho que fiquei em suspenso na parte “não consegui ir pessoalmente a Moura” (!!!) É porque ponderou deslocar-se! Bem, o que não teria sido…
    E é verdade que foi espectacular com o texiano “DOC” (ou VIP) Fabio Civitelli!
    E Moura em destaque em Itália, o que é significativo (e justifica estes eventos, e o apoio pelas entidades oficiais, em especial municipais).
    Um abraço a todos. Orlando Santos Silva

  3. Obrigado na parte que me toca, pelas vossas palavras pards Alvarez e Orlando.

    É mais um editorial do editor Sergio Bonelli dedicado a Portugal e aos Texianos portugueses, o quarto e pelo quarto ano consecutivo, sinal do carinho e admiração que o editor italiano tem pelos Texianos portugueses, mas este editorial deve-se sobretudo ou melhor, deve-se na totalidade à cidade de Moura, sobretudo ás pessoas responsáveis (especialmente o Dr. José Maria Prazeres Pós-de-Mina e o Carlos Rico) por terem um evento deste quilate, um evento que levou o nome da cidade alentejana muito longe, como se pode ver neste exemplo e se verá muito em breve aqui no blogue, um outro exemplo vindo do outro lado do Atlântico e que realmente prova que a BD também é um excelente veicúlo promocional, quando bem planeada!

    Mas voltando ao Sergio Bonelli, saber somente que ele pensou em vir a Portugal, já diz bem da importância que ele e a sua editora deram a este Salão de Moura, importância que já sabíamos devido á presença do Fabio Civitelli e da mostra em exclusivo mundial dos novos desenhadores do Tex… agora é esperar que Moura em 2008 nos reserve também alguma surpresa Texiana até para termos o Sergio Bonelli em Portugal a comemorar connosco os 60 anos de TEX WILLER!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.