O que o Woody Allen tem em comum com o Tex?

Por Sílvio Raimundo

Woody Allen é o nome artístico de Allan Stewart Königsberg, cineasta, roteirista, escritor, actor e músico norte-americano, nascido em 01/12/1935, no Bronx, Nova Iorque, EUA.  Fonte Wikipédia.

Conhecido por sempre ter levado ao grande ecrã temas voltados à psique e ao relacionamento humano, tendo inclusive actuado, além de dirigir, alguns dos seus filmes, Woody Allen a partir de 2005 iniciou uma série de filmes ambientados no Velho Continente:

2005 – Match point – Ambientado em Londres;
2006 – Scoop – O grande furo – Ambientado em Londres;
2007 – O sonho de Cassandra – Ambientado em Londres;
2008 – Vicky Cristina Barcelona – Ambientado em Barcelona.

Em 2009 e 2010 ele volta a mostrar a vida da sua “amada” Nova Iorque, retornando à Europa apenas em 2011:

2011 – Meia noite em Paris – Ambientado em Paris;
2012 – Para Roma com amor – Ambientado em Roma;
2014 – Magia ao luar – Ambientado em Nice.

Dito isso, vemos que o neurótico Woody Allen e o centrado Tex nada têm a ver um com o outro, então, por que raios estamos a falar dele no Blogue português do Tex?

Bom, o facto é que o longa metragem de 2012, Para Roma com amor, é ambientado na Capital da Itália, País de “nascita” de Tex, mas, não é só isso, o Ranger, sem se ater às formalidades de ter ou não recebido um convite do director, resolveu figurar no filme!

Para Roma com amor, que Woody Allen não apenas dirige, mas, aparece também tem o seu enredo segregado em quatro mini filmes independentes, que não interagem, apesar de ocorrerem na mesma cidade. Numa das cenas do núcleo do Alec Baldwin, os actores Jesse Eisenberg (Jack) e Greta Gerwing (Sally), um par romântico cujo namoro está esfriando por conta da chegada da amiga da Sally (Ellen Page – Monica) que veio morar com esta em Roma e por quem o Jack está se enamorando, vão a um quiosque, ou Edicola, comprar um Jornal (periódico) e, ao se afastarem deste depois de comprar o jornal, é nos mostrado numa das prateleiras, na parte superior esquerda, o logo de um TEXONE!


Não dá para ver o título, mas, algumas evidências fazem crer se tratar de Verso l’Oregon, na Trilha do Oregon na edição da Mythos Editora, casa de Tex no Brasil.

Senão vejamos, o filme foi lançado em 29/06/2012, então considerando o tempo de filmagem e pós produção, a equipe de filmagem deve ter estado em Roma no mínimo um ano antes, período em que este álbum fora lançado.

A segunda evidência é que o logo é estampado em AZUL e, depois de Verso l’Oregon que tem o logo azul, o próximo lançado – no mesmo ano – é Le iene di Lamont, cujo logo é amarelo e, o próximo azul é La cavalcata del morto, mas, esta fora lançada em 21/06/2012, o que não daria tempo produzir e lançar o filme.

(Para aproveitar a extensão completa das imagens acima, clique nas mesmas)

2 Comentários

  1. Em qualquer quiosque em Itália é perfeitamente normal haver muitos exemplares de BD à venda. Como Tex é o grande campeão de vendas a probabilidade de aparecer é muito grande.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.