ZAGOR ORIGENS – Minissérie colorida em duas edições, com o selo da Mythos Editora

Zagor Origens” com o selo da Mythos Editora chega às bancas brasileiras (e à loja on-line no sítio internet da editora Paulista) em dois magníficos volumes, o primeiro já em finais de Março e o segundo no final de Maio.

Ambas as edições terão o mesmo formato original da minissérie na Itália: 17 x 23 cm, sendo a impressão em Papél Couché em todas as suas 188 páginas, com um preço de venda ao público de 59,90 Reais.

Cada volume conterá três histórias de 60 páginas e vamos já dar a conhecer os resumos das três aventuras que compõem este primeiro número cuja capa, de Michele Rubini, com o selo da Mythos, damos também a conhecer:

Zagor Origens #1

Zagor Origens #1; Arte original da capa da autoria de Michele Rubini

O SOBREVIVENTE  – Moreno BurattiniV. Piccioni e M. di Vicenzo
Um trapper chamado Mike Wilding e sua esposa Betty criam em sua cabana um filho chamado Patrick. Eles são uma família feliz. Porém, Mike esconde um drama da época em que ele vestia o uniforme de tenente do Exército dos EUA. Um segredo conhecido pelo advogado Summerscale, que de vez em quando vem visitá-lo, mas que Betty e Patrick desconhecem. Até que, numa noite trágica, os pesadelos do ex-oficial se materializam sob a forma de um bando de índios abenakis liderados por um sinistro pregador branco, Salomon Kinsky.

O JURAMENTOMoreno BurattiniW. Trono
Sobre os túmulos dos pais mortos pelos abenakis liderados pelo pregador Salomon Kinsky, o menino Pat Wilding jura vingança. Em seguida, ele se afasta dos restos carbonizados da cabana onde nasceu e viveu com sua família, e parte na companhia do caçador, andarilho e meio filósofo Nathaniel Fitzgeraldson, apelidado de Wandering Fitzy, que o salvou na noite do ataque. Fitzy gostaria de confiar Pat a alguém que cuidasse dele, por não se sentir pronto para se responsabilizar pelo garoto: ocultos em seu passado, ele tem motivos que o levam a vida solitária. Mas algo o faz mudar de ideia.

O DEMÔNIO CANIBAL  – Moreno BurattiniG. Candita
O jovem Pat Wilding cresceu: é um adolescente que vagueia pela floresta com o pai adotivo, Wandering Fitzy. Mas ele não esqueceu o nome do homem que matou seus pais, contra quem jurou vingança: Salomon Kinsky. Para se preparar para enfrentá-lo, Pat encontrou quem o ensinou a fazer acrobacias nos galhos das árvores, a cavalgar, a atirar, a usar a machadinha. Mas Fitzy também tem um demônio interior que o atormenta. Há um segredo em seu passado, algo que o fez escolher a vida solitária. Os seus fantasmas se materializam quando ressurgem aqueles que anos antes condenaram à morte os componentes de uma caravana de pioneiros, que o sequestram e o levam para o Vale dos Ossos, onde se diz que um misterioso demônio canibal costuma atacar.

(Para aproveitar a extensão completa das imagens acima, clique nas mesmas)

7 Comentários

  1. Nossa, tô muito feliz com essa notícia e numa expectativa tremenda por estas edições. Desde a sua publicação na Itália que fiquei ávido por as ler, finalmente isso vai correr, que massa!
    E olha que nem sou zagoriano

  2. Kkkk, “bancas brasileiras”. Se chegar nas bancas paulistas já vai ser um esforço tremendo. Se não for para a Amazon, adeus.

  3. Me parece que a Bonelli decidiu de vez por investir em cronologia dos seus medalhões. Tex, Mister No, Zagor. Somente se alguém puder me esclareça a relação ou propósito de Tex Graphic Novel pois me parece que também há diferença na sequência do personagem.

    • Grande Zeca, passaram informação FALSA pra ti.
      “Bancas brasileiras”. Poh.!
      Sem comentários…

      • Encomendei o meu exemplar.
        O acabamento e padrão de qualidade dessas edições de luxo da Mythos e Panini estão perfeitos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.