Vincenzo Monti por Bruno Brindisi

Por José Carlos Francisco

Vincenzo Monti por Bruno BrindisiO consagrado desenhador salernitano, Bruno Brindisi, na sua segunda participação em Tex (a primeira tinha sido a propósito do Tex Gigante “Os Predadores do Deserto“), quando foi chamado para substituir o falecido Vincenzo Monti (que tinha realizado apenas um terço da história) para concluir a aventura “Muddy Creek” (no Brasil, Tex #425 e 426 “Alma Envenenada“), homenageou Vincenzo Monti, retratando-o na primeira vinheta da página 113 da edição italiana nº 520 do Ranger (no Brasil, primeira vinheta da página 111 de Tex #426).

De facto, como podemos observar na imagem aqui ao lado, o chefe da estação que anuncia a partida eminente do comboio onde vão viajar Tex e Carson é o próprio Vincenzo Monti, desenhador que faleceu em 2002, com 61 anos de idade e depois de 20 anos a trabalhar em prol do Ranger.

Auto-retrato de Bruno BrindisiUma outra curiosidade a propósito desta estreia de Bruno Brindisi na série principal do Ranger, é que quando o desenhador que nasceu em Salerno no dia 3 de Junho de 1964, questionou a redactora-chefe da Sergio Bonelli Editore, Maria Baitelli, sobre se deveria tentar imitar o estilo de Vincenzo Monti, esta respondeu dizendo para não se preocupar com esse detalhe e para desenhar com o seu próprio estilo, ou seja, com o seu traço moderno, muito elegante e detalhado,  daí o impressionante contraste na passagem de testemunho, entre a última página de Vincenzo Monti e a primeira de Bruno Brindisi.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.