Tex Série Normal: La Puerta del Diablo

La Puerta del DiabloArgumento de Claudio Nizzi, desenhos de José Ortiz e capas de Claudio Villa.
Com o título original Puerta del diablo, a história foi publicada em Itália nos nº 540 e 541 e no Brasil pela Mythos Editora nos nº 446 e 447.
 
Mac Parland chama Tex e Carson para recuperarem trezentos mil Dólares que o bando de Link Walker andou a roubar nos últimos anos. O dinheiro encontra-se escondido numa velha mina situada no México, cuja localização está indicada num mapa na posse de Flora Walker, a viúva do chefe do bando, entretanto desaparecido. Flora, a troco de uma pequena comissão, aceita revelar o local. Mas depois de chegar à mina há que encontrar o dinheiro e o local exacto onde este se encontra, só conhecido por dois elementos do bando que estão presos em Yuma. Tom Gilder, um deles, aceita conduzir os rangers a troco de uma redução da sua pena.
 
Arte de José OrtizEm breve, Tex, Carson, Flora e Gilder partem para o México em direcção à mina e com o objectivo de trazer o dinheiro de volta aos bancos. Mas chegar ao dinheiro é também o objectivo de outras figuras e, em breve, serão muitos a lutar por trezentos mil Dólares.
 
Ao longo da leitura, são várias as coincidências encontradas com “O Grande Roubo”, uma grande aventura escrita pelo mesmo Nizzi e desenhada pelo mesmo Ortiz.
 
José Ortiz em TexPoderia ser esta a única coincidência, mas a bem dizer, toda esta panóplia entre personagens que ora perseguem ora são perseguidas, este jogo de interesses conjuntural, estas alianças momentâneas ou ainda um certo volte face final, acabaram por nos fazer lembrar a já citada aventura. A juntar a estes elementos, sejamos justos, Nizzi consegue apresentar uma história plena de acontecimentos, de situações, de personagens e ainda de locais.
 
O Tesouro da MinaTudo junto, o autor consegue assim transmitir uma aventura dinâmica, rápida e fluida, sem tempos mortos e onde todos os sobressaltos jogam a favor do argumento. Nizzi consegue ainda construir uma pequena galeria de personagens de características bem vincadas. Atente-se na figura de Flora Walker, a típica mulher de bandido que faz sempre lembrar Linda, que acompanhava Lynch Weiss no já referido “O Grande Roubo”.
 
Mas também o coronel Uriaga como típico militar corrupto e ambicioso ou o chefe Horácio Fuentes que mais não busca senão um grande golpe. Ou seja, aquilo que parecia ser linear afinal não é, aquilo que parecia ser apenas uma busca de um “tesouro” escondido numa qualquer mina mexicana revela-se afinal ser algo mais. Porque afinal assistimos a uma aventura onde as identidades são outras. Quem é afinal vilão? Quem busca salvar algo e apagar um pouco do seu passado ou quem busca apenas enriquecer?
 
Carson e TexAo longo da aventura Nizzi vai deixando pistas, mas deixa sempre algo por desvendar, sentimos sempre algo nebuloso, algo que o autor ainda vai ter que explicar. E aqui residirá eventualmente a nossa crítica. Depois de uma aventura plena com Tex e Carson decisivos e duros, são os mesmos rangers que vão salvar Link Walker entregue ao seu destino. No fundo, sabíamos que o seu desaparecimento estava mal explicado, mas o final poderia ser tudo menos comovente.
 
Graficamente, assistimos a um trabalho idêntico aos que Ortiz tem vindo a apresentar. O autor espanhol trabalha depressa, mas nem sempre bem. Pessoalmente, gosto do seu trabalho com os contrastes, onde o negro assume uma importância capital e que é mesmo uma imagem de marca do autor.
 
Tex e CarsonTambém nota positiva para a sua composição das personagens, com Uriaga e Horácio Fuentes bem caracterizados, mas sobretudo uma Flora Walker, como já referimos, típica mulher fatal que é sempre algo mais daquilo que aparenta.
 
Também os locais, como a velha missão ou a mina, transportam-nos para o teatro da acção. Mas chegados aqui o que falta? Falta uma composição mais uniforme de Tex, um Carson menos envelhecido e mais sedutor, falta-nos, enfim, um traço aqui e ali mais trabalhado e com maior detalhe.
 
Texto de Mário João Marques

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.