Tex DESEMBARCA no CHILE com aventura de Joe Kubert

Por José Carlos Francisco

A longa cavalgada de Tex, à volta do mundo, levou-o nos últimos anos aos Estados Unidos, Rússia e Portugal, mas a popularidade da mítica personagem da Casa Bonelli, a maior editora transalpina de fumetti (nome dado à BD em Itália) que não parece assim conhecer fronteiras acaba de se estender também ao CHILE, oficialmente República do Chile, um país da América do Sul, que ocupa uma longa e estreita faixa costeira encravada entre a cordilheira dos Andes e o oceano Pacífico.

Tex: El Jinete Solitario, a primeira edição chilena de Tex

O Chile torna-se assim o mais recente país onde Tex Willer, o Ranger que mantém vivo o espírito do spaghetti western na banda desenhada e um dos títulos mais vendidos em Itália, teve a sua própria edição chilena devido a uma aliança entre a Acción Cómics e a Shazam Comics.

E o volume que deu a conhecer Tex aos chilenos, no passado mês de Maio durante a Comic Con Chile, onde teve o seu lançamento com um custo de 10.000 pesos e cujo título foi Tex: El Jinete Solitario, trouxe a arte do lendário Joe Kubert, o consagrado desenhador norte-americano que ilustrou o Ranger de camisa amarela, em 2001.


Para nós foi um luxo poder publicar no Chile uma banda desenhada desta qualidade: é um trabalho de Kubert que inclusive para os norte-americanos é pouco conhecido.“, assegurou o editor da Acción Comics, Claudio Alvarez.

Trata-se do primeiro trabalho conjunto entre a editora Acción Cómics e a livraria Shazam Comics, e o segundo título da Bonelli editado no Chile já que a estreia bonelliana se deveu a Dylan Dog com La Gran Nevada.

Esta é uma co-edição que se venderá exclusivamente na Shazam Cómics, e que tem várias particularidades. Uma delas tem a ver com o formato de publicação da Bonelli, que é mais pequeno que o que usamos tradicionalmente. A outra é que é bastante extensa, com 228 páginas em preto e branco. O mais entusiasta com o resultado é Daniel ‘Shazam’ Hernández, assim quem sabe se no futuro não tenhamos no nosso país mais volumes como este , com autores desta qualidade.“, detalhou Alvarez ao blogue Los eternautas.

(Para aproveitar a extensão completa das imagens acima, clique nas mesmas)

Um comentário

  1. Dizem as más línguas que os chilenos já estão a preparar uma cópia local, o PinoCHET…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.