Fabio Civitelli no Fest Comix: a arte de fazer felicidade e alegria

Por José Carlos Francisco

Fabio Civitelli, o desenhador italiano, de Tex, que esteve presente no 17º Fest Comix em São Paulo, Brasil, numa iniciativa conjunta da Mythos Editora e da Livraria Comix, distribuiu autógrafos e sorrisos, para além de posar para fotos ao lado dos seus inúmeros fãs presentes naquela que é considerada a maior feira de banda desenhada da América Latina, e que foram até lá para vê-lo de perto, fazendo com que todos os Texianos presentes em São Paulo desfrutassem da sua simpatia,  disponibilidade e arte (também realizou alguns belos desenhos feitos na hora), cultivando em elevado grau a arte de fazer feliz todos que o rodeavam, utilizando essa sua arte (e a sua simpatia) para fazer felizes as pessoas ao seu lado, conforme se demonstra nesta sucessão de belas fotografias onde os possuidores dos tesouros Texianos autografados por Civitelli irradiam felicidade por todos os poros:


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.


.

(Para aproveitar a extensão completa das imagens acima, clique nas mesmas)

11 Comentários

  1. Bom, não tive a honra de posar para uma foto junto com mestre Civitelli. Mesmo porque não pude comparecer ao evento. Mas Chet foi parar nas mãos do grande desenhista do Tex e apareceu na fotografia. Isso muito me honra. Agradeço ao Zeca e ao Moreira, nosso Duke Wayne.

  2. Que beleza conhecer ou rever o rosto de alguns amigos que jà conheço teclando ! Voces gostaram a felicidade de conhecer e ficar perto de um amigo especial como o Fabio.
    Um abraço bem grande à todos !!!

  3. Muito bom.
    Pena que eventos como esses, hoje, só se realiza longe daqui. De 1999 a 2005 tivemos o FIHQ-PE. Temos, atalmente, só lembranças daquela época.

  4. Muito, muito bom!!! Adorei ver estas fotos. Mil vezes melhor que a “Hola” ou revistas cor-de-rosa, isto sim é verdadeira e espontânea alegria! E os 4 senhores da última foto, impressiona tanta cultura texiana junta! Um forte abraço

  5. Destaque principal desse album: Maria Eddy da Livraria Italiana. Não pude comparecer ao evento, mas, achei interessante, principalmente a simpatia do Civitelli.

  6. Para mim um RARO E INESQUECÍVEL dia vivi nesta 17ª Fest Comix em São Paulo: além de rever o grande amigo Zeca; conhecer pessoalmente o estimado GGCarsan; rever outro grande amigo o Gervásio; conhecer e conversar com os simpassisimos texianos Dolores e Marcos Maldonado; conhecer o Paulo Guanaes; rever o Dorival; o Julio Schneider; reencontrar e conhecer tantos outros amigos texianos como a Mariolinha, Edson Paiva, Paulo Cesar, Ary Canabarro, Jesus Nabor, Felipe (e esposa), Pilipe Ferreira, Filipe Chamy, Leo, José Rivaldo, João Cunha, V. Disenha, Adriano R., Neimar (xará), João Rios, Rivaldo, Adriano R., Adilson Lima, A.Moreira, Ezequiel, Elias Feitosa, Wilson, João Bontempo, Décio Ramirez… e muitos outros que a memória agora me falha, adquirí preciosas HQs de Tex. Não bastassem estas alegrias ainda sou recompensado com um abraço, um autógrafo, folhear seus originais, e muitas fotos com o ilustre e simpático desenhista de Tex: “Fábio Civitelli”. UMA DATA DE SONHO! Civitelli é uma surprêsa agradável: além de um talento excepcional para o desenho, um talento excepcional no trato com as pessoas. Parabéns família texiana, abraços, e até uma nova oportunidade…

  7. Aos dois texianos que reclamaram que a Mythos não pôs um estande próprio para vender revistas antigas, esclareço que não podemos fazer isso, pois seria fazer concorrência com a Comix. Mas quem quiser adquirir revistas antigas da Mythos basta mandar-me a lista que – dependendo da quantidade – eu darei um desconto e não cobrarei correio. Ninguém precisa ficar com coleções incompletas. Comprar diretamente da editora é fácil, seguro e garantia de revistas em boas condições.
    O mesmo vale para aqueles que ainda não compraram o livro “O Oeste segundo Civitelli“. Basta escrever para a editora e pedir; pagará apenas R$ 34,90 + R$ 5 de correio (valor subsidiado). Garanto que não se arrependerão, pois o livro é uma aula de como fazer uma HQ e tem ilustrações lindíssimas e inéditas.

  8. O livro “O Oeste segundo Civitelli” vale cada centavo do investimento. A cada página que leio fico mais contente pela aquisição. Estou maravilhado. Brilhante ideia essa dos comentários do Civitelli no “pé das páginas” contando peculiaridades sobre as cenas.

  9. Muito legal, pena eu não poder ter ido e tirar foto com o mestre, mas na próxima com certeza eu irei.

    Belas fotos, parabéns!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.