Buffalo Soldiers

Por José Carlos Francisco
.

E
stá prestes a ser publicada na Itália a história de Tex mais aguardada dos últimos anos…

Buffalo SoldiersTrata-se de “Buffalo Soldiers“, uma história de 291 páginas, história que nasceu de uma ideia que Sergio Bonelli teve no longínquo ano de 1993. O roteiro é de Mauro Boselli e os desenhos do mítico Giovanni Ticci. A capa como tradicionalmente, é desenhada por Claudio Villa!

A história tem como protagonistas os membros de um regimento lendário, os célebres Buffalo Soldiers (soldados de cor), ao lado dos quais poderemos ver Tex e Carson numa aventura épica!
A estreia tem data prevista para 7 de Março, na edição número 569 de Tex e prolongar-se-à até à edição número 571  a ser publicado em Maio.

Os famosos Buffalo Soldiers, cavaleiros de cor do Décimo Regimento da Cavalaria dos Estados Unidos, estão intalados em Forte Duchesn  e encarregues de manter a ordem e fazer de barragem entre os aventureiros e bandidos de Destiny, pequena cidade surgida ilegalmente na reserva Ute, e os  Utes das Uintah Mountains, comandados por Ouray, chefe justo e sábio, mas cuja irritação é habilmente excitada pelos homens de Carrizo.

Kit CarsonNo Utah setentrional, na pista de um feroz comanchero, Pablo Carrizo, a quem dão caça há mais de dez anos, Tex e Carson reencontram um velho amigo, o sargento de cor Bill Johnson, que os ajuda contra um bando de Utes.

Enquanto o Alto Comando envia para o Utah um regimento branco comandado por um oficial racista, Tex pede a ajuda de uma patrulha dos Buffalo Soldiers para parlamentar com Ouray, mas durante o caminho, os pards são constrangidos a barricar-se na Agência Índia de White River, assediada pelos comancheros e pelos guerreiros rebeldes.

No rescaldo, Tex e Carson, na companhia do sargento Bill Johnson, do scout Randado e de um punhado de audazes soldados negros, resolverão todos os problemas à base de murros e chumbo quente e elevarão bem alto a honra do Décimo.

TEX 2008

Tex - 2008

Como vimos, neste ano de 2008, Tex cavalgará ao lado dos Buffalo Soldiers, os legendários soldados de cor do Décimo Regimento de Cavalaria, instalados no Forte Duchesne e encarregues de manter a ordem no Utah setentrional, às voltas com os aventureiros da aldeia fora-da-lei de Destiny e com os Utes em revolta nas Uintah Mountains.

Arte de Ticci em Buffalo Soldiers

Teremos também este ano, um extraordinário álbum colorido a ser publicado em Setembro, que festejará o sexagenário aniversário do ranger e no qual fará a sua aparição, precisamente a esposa de Águia da Noite, a bela e inesquecível Lilyth!

Arte de Fabio Civitelli na história comemorativa dos 60 anos do Ranger

Tex e os seus pards viverão muitas outras aventuras em 2008, entre as quais, destaca-se uma espectral deslocação a New Orleans e pântanos circundantes, na rota do segredo de um pirata alquimista, entre homicídios rituais, armadilhas e passagens secretas e onde veremos o retorno de Nat Mac Kenneth!

Arte de Ernesto Garcia Seijas

Destaque também para uma obra, infelizmente, única de Gino D’Antonio, baseada em parte também numa ideia de Sergio Bonelli/Guido Nolitta e igualmente concebida no distante ano de 1993. Trata-se da edição Gigante de Tex, com desenhos de Lucio Filippucci, também ele estreante em Tex depois de vários anos de honrada militância em Martin Mystere.

4 Comentários

  1. Bacana… Muitas novidades para Tex aí na Europa… Bem legal… Essa história dos Buffalo Soldiers tem um enredo bem interessante. Gostei.

  2. A história dos Buffalo Soldiers que o José Carlos Francisco tão bem resumiu, parece de facto uma edição cheia de interesse, tanto mais que o argumento é do Mauro Boselli e os desenhos do G. Ticci, que a avaliar pela página reproduzida terá aqui um dos seus melhores trabalhos. Aquela cena nocturna, em plena tempestade, onde a acção explode como as rajadas de vento e os relâmpagos, é um óptimo exemplo da sua mestria no domínio do preto-e-branco e do seu trabalho com o pincel.
    Quanto aos “bufallo soldiers”, o regimento composto por soldados de cor que se distinguiu em tantas acções de campanha, esse nome foi-lhe dado pelos índios, que ao verem pela primeira vez homens negros os compararam aos búfalos, devido precisamente à sua cor.

  3. Excelente capa.
    O tratamento gráfico dado ao Bufallo Soldier, em primeiro plano, é magnífico.
    Fica claro que o Villa quis colocá-lo em evidência.
    Essa eu vou copiar e guardar, junto com outras de destaque do Villa.
    AMoreira.

  4. Mal posso esperar que chegue ao Brasil e, consequentemente, até nós!

    Adoro o traço de Ticci e Boselli é um bom argumentista!

    Além do mais o tema promete!

    Estão assim reunidos os igredientes para uma grande história!

    Pedro Pereira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.