“Armadilha Diabólica” de Nizzi, Fusco e Civitelli: A história do Superalmanaque Tex #3 a publicar em Dezembro de 2021

Superalmanaque Tex é uma série recente da Mythos Editora, com periodicidade anual, que se estreou em Dezembro do ano passado e que intercala uma aventura longa de cerca de 500 páginas com uma colectânea de um grande autor e com a particularidade de estar disponível em dois formatos: o chamado formatinho, em papel jornal, que é distribuído pelas bancas do Brasil e o denominado formato italiano, com papel offset, que está à venda somente através do site da Mythos Editora.

A edição de estreia do Superalmanaque Tex, trouxe o título EM NOME DA LEI, uma extensa aventura escrita por  G. L. Bonelli e desenhada por Erio Nicolò, que para além de ser uma das maiores histórias de Tex (mais de meio milhar de pranchas, inclusive aquando da publicação original, a história prolongou-se por cinco números do título mensal do Ranger) é também uma das histórias mais apreciadas pelos fãs.

Superalmanaque Tex #1

Por sua vez o Superalmanaque Tex número 2 será publicado no próximo mês e trará então uma colectânea de um dos mais afamados e apreciados desenhadores de Tex: Giovanni Ticci.
Vingança de índia, O massacre de Goldena e Assalto ao trem.
Pela primeira vez num único volume, algumas das primeiras histórias de um dos maiores intérpretes de Tex, Giovanni Ticci. Os trabalhos iniciais do mestre que influenciou mais de uma dezena de desenhadores do Ranger em três histórias escritas por Gianluigi Bonelli, nas quais encontramos as suas inspirações nos clássicos americanos da era de ouro, as homenagens a Galep e o seu amor sem fim pela aventura. Três histórias de Fronteira, três histórias de vingança, de tenacidade, de caçada humana, de espírito de revanche. A alma do oeste em seu mais resplandecente esplendor.

Superalmanaque Tex #2

Mas a um ano de distância, o Tex Willer Blog já pode apresentar o Superalmanaque Tex número 3, a publicar futuramente em Dezembro de 2021, devido ao comentário público do editor Dorival Vitor Lopes, AQUI mesmo no Tex Willer Blog. O Superalmanaque # 3 será verdadeiramente épico… com uma história de 504 páginas do trio Nizzi/Fusco-Civitelli:
Armadilha diabólica” (no original italiano “L’ uomo con la frusta“; Tex 365 a 369).

L’uomo con la frusta

Dada a sua extensão, esta história foi, na época da sua realização (1991), sujeita a uma interessante experiência: foi dividida em duas partes (com a segunda que é obviamente a continuação da primeira), confiada a dois desenhadores diferentes e que a Mythos Editora vai então agrupar numa única edição verdadeiramente especial.

Quanto à história em si: Ao receber o que pensa ser um pedido de ajuda de seu amigo Montales, Tex vai até ao México para encontrar-se com ele. Porém, tudo não passa de uma farsa para prender o Ranger numa armadilha diabólica e encerrar a sua existência. Tex é acusado falsamente da morte de dois Rurales e é condenado à morte, chegando a ficar frente a frente com o pelotão de fuzilamento. Enquanto isso, os seus amigos tentam de todas as formas livrá-lo da execução, mas parece que todas as portas se fecham…

Para finalizar e de modo a antecipar as próximas histórias longas a publicar nesta série já fadada ao sucesso, apresentamos a tabela com as 10 mais longas aventuras de Tex:

6 Comentários

  1. Dorival, esta é mais uma edição com lugar garantido em minha coleção. Pretendo comprar o formato italiano.

    A propósito, seria possível disponibilizar as edições 609, 610 e 611 da série regular novamente em formato italiano? Quando finalmente minhas condições financeiras melhoraram e retomei a colecioná-las, fui surpreendido com a informação de que, a partir de agora, só seriam disponibilizadas as edições adquiridas durante a pré-venda.

    E, frisa-se, sem qualquer aviso prévio por parte da editora dessa nova “política” editorial. Descobri, por acaso, em grupos bonellianos no Whatsapp essa mudança. É fato que nem todos podem adquirir os volumes tão logo são colocados na pré-venda.

    Não gostaria de ter minha coleção interrompida e sei que este é um pedido de outros compradores e clientes fiéis da Mythos também.

  2. Pena ser num material tão vagabundo quanto o papel para jornal, mas é uma bela proposta de coleção.

  3. Ritorno a Pilares” é uma das minhas aventuras preferidas de Tex. É a mais longa história de Tex e é a 2.ª mais longa da Sergio Bonelli Editore (só é ultrapassada por Zagor “Incubi“, esta com praticamente 600 páginas).

  4. Eu gostaria que fossem publicadas somente histórias do G.L Bonelli, e Retorno a Pilares do Sergio Bonelli, no entanto, vou comprar esse número 3. Espero que seja lançado antes de dezembro de 2021, e ao menos duas edições em 2021.

  5. Pard José Carlos, outra história longa é a que foi publicada pela editora Vecchi nos números 85, 86, 87 e 88 (nota-se que o nº 88 é a primeira parte da história e deveria ter sido publicado antes do nº85); a primeira parte foi desenhada por Galleppini e a segunda correspondente aos números 85,86 e 87 por Letteri.

    • De facto Tex 85, 86 e 87 é uma espécie de continuação da história publicada em Tex 88, só que neste caso há um intervalo de alguns anos na publicação original (na Itália) e por isso não é considerada como se fosse apenas uma história, pard Teodoro, mas parabenizo-o pela sua lembrança 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.