NOVA INICIATIVA DEDICADA A TEX: TEX WILLER EXTRA republica “O magnífico fora da lei” em três edições, com alguns extras

Tex Willer Extra nº1

A 3 de Julho será publicada, em Itália, TEX EXTRA, uma nova “colecção” que republicará a primeira grande aventura do jovem Tex Willer. Uma aventura que será dividida em três edições mensais de 80 páginas e cuja história será “O magnífico fora da lei” (“Il magnifico fuorilegge“, no original) de Mauro Boselli (argumentos) e Stefano Andreucci (desenhos) publicada originalmente no Tex Gigante nº 32  e que está completamente esgotado em Itália.

Será uma edição especial, ou melhor três edições (mensais), para este Verão, cujo primeiro título é “La città dei fuorilegge” (“A cidade dos fora da lei“). Será em preto e branco e no formato da série Tex Willer (16×21 cm) e conterá duas páginas inéditas, alguns esboços, novos textos redactoriais e ainda três capas inéditas, todas da autoria de Maurizio Dotti, a primeira das quais divulgamos já hoje.

Vinheta inédita de Stefano Andreucci publicada em Tex Willer Extra

O magnífico fora da lei” é um passo fundamental na reconstrução da biografia de Tex, daí considerarmos a reedição como sendo uma iniciativa muito importante e há que elogiar o responsável pela ideia, o curador Mauro Boselli que instado a comentar esta iniciativa disse: “A reedição de “O magnífico fora da lei“, corrigida e revisada, no formato Tex Willer, foi uma ideia minha e terá novas capas de Dotti, pelo que não pode ser considerada uma simples reimpressão, como acontece com outras séries de Tex. Mas para quem assim o pensar posso desde já anunciar que está previsto para o Verão de 2022 uma enorme surpresa INÉDITA!

“O magnífico fora da lei, de Mauro Boselli e Stefano Andreucci em Tex Willer Extra”

Uma belíssima história da juventude de Tex, com relevo para o primeiro encontro de Tex com Cochise, o famoso chefe dos índios Apaches e que se tornou irmão se sangue do Ranger: Audacioso e solitário, caçado pela lei, Tex cavalga com o seu fiel Dinamite pelos montes selvagens do Arizona. Enquanto procura livrar-se de uma acusação falsa, ele vai desbaratar quadrilhas inteiras de bandidos e comancheros, vai salvar donzelas em perigo!

O magnífico fora da lei, de Mauro Boselli e Stefano Andreucci em Tex Willer Extra

(Para aproveitar a extensão completa das imagens, clique nas mesmas)

2 Comentários

  1. Excelente iniciativa do Boselli, espero que a Mythos publique no Brasil.
    Pard José Carlos, na revista Tex Willer nº28, Boselli responde a um leitor italiano que a série Tex Willer se um dia chegar no ponto em que Tex venha a ser chefe dos navajos e conhecer Jack Tigre não terá mais razão de continuar.
    Penso que a série pode continuar com Tex sendo sempre jovem, como Zagor sempre é jovem em suas histórias, mesmo sendo uma delas com um pirata que morreu em 1823 ou com os seminoles em 1840 Zagor tem sempre a mesma idade, pois estamos no mundo das histórias em quadrinhos.
    Para a série Tex Willer continuar sempre ela terá que em um determinado momento não se fixar muito em datas (Bonelli quase nunca usava datas), pois elas limitam muito a criatividade dos roteiristas, e o que importa é a história e não datas fixas, e a série Tex Willer é de uma época anterior a Tex ser chefe dos navajos, onde Tex e Kit Carson tem muito mais liberdade em suas aventuras, devido a ter menos responsabilidades.
    Eu sempre cito que Kit Willer já adulto aparece em histórias com o chefe apache Cochise que morreu em 1874, deste modo Kit Willer teria que ter nascido por volta de 1850 e Tex não poderia ter nascido em 1838 como está na série Tex Willer, mas como eu disse, isto não importa, pois o mais importante são as histórias e as aventuras (vejam que o Tex na série regular tem 40 anos e também não envelhece) que Boselli de maneira genial escreve sobre Tex na série Tex Willer.
    Pard José Carlos, espero que o Boselli possa ler a minha opinião e que a série Tex Willer continue , assim como a série regular de Tex.

    • Prezado pard Teodoro, a propósito do Boselli e do prosseguimento desta colecção do jovem Tex Willer Mauro Boselli numa entrevista desta semana disse o seguinte:

      Nas nossas intenções, pretendemos demorar nestes primeiros seis anos de “Tex Willer”, ou seja, no final de ano de 2024, a contar a entrada de Tex nos Rangers. Seguir-se-á o período da Guerra da Sucessão e as aventuras mexicanas. Se pensarmos ainda mais para a frente, o encontro com a sua futura esposa, Lilyth, deverá ocorrer tranquilamente entre os números 80 e 90.

      Depois, se chegarmos lá – não por questões de vendas, mas de ristência minha, porque posso já me ter aposentado – há a possibilidade de narrar toda a juventude de Tex como Ranger, quando o seu filho Kit ainda é uma criança. A aventura pode prosseguir com o regresso do Mefisto, por isso o projecto “Tex Willer” tem um longo percurso pela frente.

      Ou seja, até Tex Willer conhecer o Jack Tigre teremos ainda centenas de edições pela frente… até porque se as vendas forem sempre boas, esse encontro será cada vez mais adiado… e não faltarão ideias para novas histórias… se bem que muito provavelmente já não escritas pelo Boselli, que certamente lerá as suas palavras porque Mauro Boselli é um visitante assíduo do blogue tendo inclusive já feito alguns comentários… 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *