As mais recentes preciosidades texianas de Rouxinol do Rinaré

Por Rouxinol do Rinaré (Antonio Carlos da Silva)

Escrevo este artigo no blogue do Tex para apresentar a todos os leitores as minhas mais recentes preciosidades que vieram enriquecer o meu acervo de Tex.

Quando fui entrevistado por este blogue, em 2009, eu possuía cerca de 600 exemplares de Tex – hoje o meu acervo tem mais de 1.000 (mil) exemplares, pois estou comprando todas as edições de Tex editado pela Mythos e procurando adquirir algumas preciosidades de outras editoras (revistas, livros e outros itens relacionados ao nosso Tex Willer).

Tenho uma meta especial, quanto à colecção, que é conseguir pelo menos um exemplar de cada país onde Tex já foi ou está sendo publicado. Já tenho vários exemplares da Itália e somando com os publicados no Brasil tenho Tex de 10 países diferentes: Itália, Brasil, Portugal, Espanha, Argentina, França, Holanda, Índia, Israel e Turquia.

Nas fotos que ilustram este texto mostro um pouco dessas preciosidades, como “O meu Tex” (de Fabio Civitelli); Mini-Tex (Box com 4 livrinhos – capa dura – uma versão das Tex Gigantes desenhadas por artistas espanhóis); Teks da Turquia (nº 1); “Manuale di Tex nel West” (livro capa dura, muito bonito, da década de 80); o CD de Graziano Romani e o livro que o acompanha; Tex de Israel (nº 7); Tex da Holanda; Tex da França (das séries Mustang e Rodeo); Tex da Índia; Tex da Espanha (6 exemplares de uma série da extinta Editora Zinco); o Disco “La Ballata di Tex Willer” (45 rotações), tão almejado e, na lateral da foto, uma estatueta de Tex (em chumbo) e 5 pins.

Tenho ainda, entre as preciosidades, uma edição Raio Rojo (Tex da Argentina), umas Tex Júnior e “O ídolo de cristal” (Tex edição de luxo, capa dura publicado pela Vecchi no Brasil).

Boa parte destes itens comprei no mercado internacional (via Internet) e outra consegui com pards brasileiros como meu amigo Iranildo Ferreira (de Pernambuco).

Se algum leitor estiver interessado em adquirir este tipo de itens deixo de seguida alguns sites e contactos de pessoas com quem consegui comprar esses itens de Tex: Eric van Helvoort (da Holanda): ele vende Tex da Índia, Holanda e Alemanha; site Todocoleccion (neste site comprei as Tex da Espanha);  Ebay.it (site onde comprei as Tex da França, o Disco Tex e outras preciosidades).

(Para aproveitar a extensão completa das imagens acima, clique nas mesmas)

7 Comentários

  1. Parabéns Antonio Rouxinol, lindas preciosidades! E valeu pelas dicas, quem sabe um dia siga teu exemplo e também adquira alguns destes exemplares…

  2. Amigo Rouxinol, parabéns pelo mais recente acervo, com certeza vai enriquecer mais ainda a sua coleção!

  3. Já tomei a liberdade de anotar tudin tudin para garimpar essas raridades também.
    Parabéns velho amigo, vai nessa sua força e que nosso Deus te abençoe cada dia mais com sua coleção.

  4. Obrigado aos pards pelos comentários.
    LEMBRANDO: Quem tiver disponível para vender ou permutar Tex de outros países eu tenho interesse (ME FALTAM: Finlândia,Grécia e outros). Comprei, após este artigo, Tex da Alemanha e Croácia (esta última aguardando o pard Iranildo Ferreira me enviar).

  5. Grande Rouxinol, o nosso poeta nordestino. Parabéns pelos belíssimos itens, pard. Fiquei amarradão no compacto do Tex.

    Abraços.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *