A capa da LUXUOSA edição de TEX EDIÇÃO GIGANTE EM CORES nº 1

A capa da LUXUOSA edição de
.
TEX EDIÇÃO GIGANTE EM CORES nº 1

Tex, o Grande, de Guido Buzzelli

Por José Carlos Francisco

É já no próximo mês  de Julho que a Mythos Editora terá o orgulho de apresentar a todos os fãs e coleccionadores de Tex no Brasil, a mais luxuosa colecção dedicada ao Ranger publicada até hoje em língua portuguesa.

Trata-se de TEX EDIÇÃO GIGANTE EM CORES, série que republicará, na mesma ordem em que saíram na Itália, as magníficas aventuras desta colecção interpretada por grandes Mestres da 9ª Arte, agora totalmente a cores, com 240 páginas, formato grande e CAPA DURA. Além de um novo texto, cada edição vai trazer também matérias inéditas.

A capa e contra-capa de TEX EDIÇÃO GIGANTE EM CORES nº 1

Você, caro leitor do blogue do Tex, não pode perder esse maravilhoso lançamento, pois trata-se de uma obra luxuosa e sofisticada, em papel especial, com um preço promocional de venda ao público no valor de R$ 59,90. A tiragem será reduzida, mas em número suficiente para ser distribuída nas principais bancas do Brasil, mas de modo a poder atender todos os interessados, inclusive de Portugal, a Mythos Editora disponibilizará no seu sítio Internet, esta magnífica colecção, cujo primeiro número trará a aventura “Tex, o Grande” (“Tex il grande!”, no original), cuja capa apresentamos em rigoroso exclusivo mundial!

A luxuosa capa de TEX EDIÇÃO GIGANTE EM CORES nº 1

Trata-se de uma história escrita por Claudio Nizzi,  desenhado por Guido Buzzelli (um dos mais carismáticos desenhadores de “fumetti”) e publicada pela primeira vez em 1988, como forma de comemorar os 40 anos da criação do Ranger Tex e cuja história centra-se na luta de um pequeno madeireiro que nas florestas do Oregon tem que lutar contra a cobiça de dois ricos proprietários, os irmãos Patterson, que estão dispostos a tudo para ficar com a concessão de Thompson, o que obriga o pobre madeireiro a pedir auxílio a Tex e Kit Carson.


Um tesouro que não pode faltar em nenhuma bibliotex.

(Para aproveitar a extensão completa das imagens acima, clique nas mesmas)

34 Comentários

  1. Que ótima notícia pard Zeca!!E o preço está na média para uma edição desse porte, cofre certíssimo!!

  2. Que lindo!! Massa!!!

    Achei que viesse algo como a capa da edição croata (linda por sinal), mas a Mythos apostou em algo mais próprio!!

    Vai valer o dinheiro!

    Alguém sabe a periodicidade?

  3. Realmente a Mythos surpreendeu de forma positiva com a capa, gostei. Mas esse detalhe ao fundo parece muito com a capa em couro do Conan O Libertador, procede?

  4. Olha essa capa sinceramente ficou maravilhosa, com esses efeitos de couro, como se fosse um tomo envelhecido.

    Parabéns pelo belo trabalho, reconheço que ficou realmente excelente.

    Sobre ser a mais bela edição, ela superará O Meu Tex, A Balada do Oeste?
    Pois adquiri essa edição recentemente e está maravilhosa, todos em casa elogiaram a beleza da mesma, inclusive amigos que foram me visitar e que nunca comentaram nada sobre as minhas revistas.

  5. Hum… As frases na última capa não achei necessário, poderia ser um texto curto falando da coleção.

  6. OBRIGADO Editora Mythos por esse presentexgigantão!!!!!!! Vou comprar 3 exemplares em agradecimento!!!!! Obrigado de coração!!!!!!!!!!!!!! (estou quase chorando….).

  7. Para um texiano de carteirinha como eu – fanzão n° 1 – 59,90… o preço é o de menos!!!!!!!!

  8. Linda demais essa obra.
    Está tudo perfeito, a lombada e os acabamentos gráficos em harmonia.
    Está show de bola, e o melhor já tenho meu presente do dia dos namorados garantido.
    Vida longa a Tex.
    Vida longa a Mythos.
    Vida longa aos pards.
    Vida longa ao Clube Tex Brasil.

  9. Jessé falou aí em Dia dos Namorados. Pois é, vou montar DUAS coleções, uma pra mim e outra para a companheira que é fã de Westerns.

  10. Parabéns pela ousadia, e fazer uma edição desse quilate! Coisa de primeiro mundo! Que esse seja só o primeiro de muitos que com certeza virão! Parabéns ao DORIVAL e ao HELCIO DE CARVALHO, por não deixar o sonho de TEX WILLER morrer.

  11. Já existe informação de qual será o tamanho adotado?
    Pois existem vários tamanhos:

    Italiano Colorido (o maior de todos)
    Italiano normal (maior que o brasileiro)
    E o brasileiro, que é o menor dos três.

  12. Caro Daniel, o formato será o do italiano normal (Texone), que é maior do que o italiano colorido – cerca de um centímetro – e maior ainda do que o nosso Tex Gigante. A periodicidade será bimestral, mas como está sendo impresso na China, pode atrasar. Muito obrigado a todos pela força e entusiasmo que estão nos dando.

  13. Dori, segue a ordem italiana.
    Começa já com a série anual também.
    Atenção…. não faças como na Itália… número de páginas certas, é
    preferível aumentar ou baixar o preço conforme o número de páginas
    da história, que isto de começar uma história e acabar noutro número não presta, sendo mais para coleccionadores com tiragens reduzidas e já agora numera os livros de 0 a 1000 para lhes dar valor comercial.

  14. Parabéns a Mythos e ao editor Dorival por mais este belíssimo trabalho. É realmente um esplêndido álbum que engrandecerá ( heheheeh desculpe a redundância ) a coleção do mais exigente colecionador do ranger. E que apropriado que seja lançado em Julho, justamente o mês do meu aniversário!
    Desejo uma longa vida a esta coleção que será juntamente com a Tex em Cores, as duas melhores edições do Tex já produzidas no nosso Brasil.
    Um abraço e mais vez, parabéns a todos envolvidos neste ótimo trabalho.
    Jesus Nabor Ferreira

  15. Parabéns à Mythos pela excelente iniciativa.
    O Fã Clube Tex Brasil agradece e se compromete a esvaziar as bancas (risos).
    Em tempo, pedem ainda que não seja interrompida a TEC, que o contrato seja renovado e que seja dada continuidade ao sonho texiano no Brasil.
    Grande abraço.
    José Leonardus, Presidente do Conselho Deliberativo do Fã Clube Tex Brasil.

  16. Só temos que parabenizar a Mythos pela iniciativa de um novo lançamento do nosso Ranger! A edição é esplêndida e espetacular…
    É uma das mais belas já publicadas no Brasil e esperamos outras publicações… vamos que vamos!

  17. Que maravilha! Grande trabalho da Mythos. É dessa forma que conquista vários leitores com essa obra de arte. Parabéns Mythos.

  18. Aproveitamos a oportunidade para lançar a “pedra fundamental” para o FIQ (Festival Internacional de Quadrinhos), que é bienal, e ocorre em Belo Horizonte-MG, para que no próximo a Bonelli e a Mythos possam estar presentes, juntamente com o Fã Clube Tex Brasil.
    O planejamento é bastante antecipado, por isso o “lançamento” (risos).
    E ai? Vamos?

  19. Parabéns Mythos!!!
    Esse artigo ficará lindo em minha estante, já comecei a juntar dinheiro para comprar.
    Abraços à todos!!!

  20. Ops.
    Me lembraram muito bem os pards que no ano que vem haverá o segundo encontro nacional do Fã Clube Tex Brasil, em São Paulo.
    Nem precisaríamos pensar em FIQ, poderíamos já fazer isso no evento de SAMPA, que será exclusivamente bonelliano.
    Que tal?

  21. Amigo Dorival, a nação Bonelliana clama por uma Resposta: você, digo a editora, tem a intenção de trazer ZAGOR EM CORES para o Brasil? Espero que você responda, e diga que sim! Aguardamos sua resposta amigão! Ok?!

  22. Ótima notícia dada pelo Dorival sobre o tamanho desta preciosidade que chegará nas mãos dos pards brasileiros.
    Veremos em bela e justa extensão a arte de desenhistas escolhidos a dedo pela Bonelli para figurar como artistas co-responsáveis a cada Texone.

    Sem dúvida alguma, uma nova era se inicia para os colecionadores do velho Tex no Brasil.

    Parabéns ao Dorival e equipe da Mythos Editora.

  23. Que épico, ainda maior que o Tex Gigante brasileiro.
    Essa edição não tem Mondadori que supere, será desejada até por italianos.

    As edições serão numeradas?
    Por ex 0037/5000?

    Isso valoriza ainda mais a coleção, eu nunca tive uma edição numerada!

  24. Esse Tex Gigante a Cores é realmente GIGANTESCO!! É um verdadeiro MONUMENTO HISTÓRICO!!! É o que no futebol chamamos de GOL DE PLACA!!! UM VERDADEIRO GOLAÇO-AÇO-AÇO!!!
    Obrigado, mais uma vez, a todo esse TIMAÇO da Mythos Editora.

  25. Bem amigos do Tex Willer Gigantão a Cores… vou jogar um balde de água fria em todos vocês. Nunca vi tanta ganância nessa terra. Nem parece que são os texianos que dizem ser. Querem cada vez mais!!! Estou incrédulo. Então lá vai:
    Vou encomendar toda a tiragem do número 1 só pra mim! Quem quiser ver de longe tem que vir na minha bibliotex. OK???

    Passado o susto, dizer que o Dorival finalmente se rende ao Tex a la Mondadori. Lembro que há uns 3 anos falei com ele sobre isso, passei umas ideias e ele ficou de pensar. Naquela época o preço seria de 60 reais e vendido em livrarias. Baseei-me nas compras de Tex da Mondadori que fizera. Ele pensou com calma e como se diz, tudo tem a sua hora certa. Vivemos o momento Capadura no mercado de HQs. Tudo que é herói agora tem o seu capadura nas bancas, com lançamentos primorosos. E o Dorival/Helcio resolveram que a hora boa seria agora – julho de 2014.

    E vejam só, bem diferente da Mondadori e da Bonelli (que lançam especiais anuais), planejam lançar bimestralmente, com uma qualidade superior, com adendos que deixam qualquer colecionador enlouquecido, aperreado, ansioso, estabanado, nervoso, emocionado, pronto para sacar ($$$).

    Então quero reafirmar o meu crédito, a minha confiança, a minha tolerância, o meu respeito e meu obrigado a equipe Mythos, consciente de que fazem o melhor possível desde que entraram em campo com Tex e cia, e meu entendimento de que quando melhor não fazem é porque o mercado não permite.

    Um abraço caloroso e muito sucesso para todos os texianos, da editora aos leitores, com esta coleção que já nasce EFFE – Espetacular, Fantástica, Fenomenal, Extraordinária.

  26. Que máximo! Já era tempo da Mythos fazer algo desse nível. Depois de O ÍDOLO DE CRISTAL da Vecchi não havia ainda sido publicado algo tão imponente de nosso Tex! Eu comprarei e sei que valerá cada centavo gasto.

  27. Deviam Realizar uma Historia de Tex ambientada no Brasil na época da Guerra do Paraguai

  28. Concordo com todos, mas eu preferia que fosse lançado o Tex Gold com as histórias clássicas.

  29. Estou muito ansioso por essa edição, ainda não chegou em minha cidade. Vou a Porto Alegre ou a Sapucaia buscar, por via das dúvidas. Só imagino a beleza que é.

    PS – Sei lá Rodolpho, a Guerra do Paraguai foi um genocídio tremendo, nem sei como mesmo um roteirista talentoso poderia colocar Tex ali sem arranhar a imagem dele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *