Vídeo: UMA GRANDE EQUIPA… Recordando SERGIO BONELLI

Sergio Bonelli deixou-nos. Tiremos o chapéu

Domenico Di Vitto, conceituado desenhador italiano que com o seu irmão Stefano Di Vitto, realizou várias histórias escritas por Sergio Bonelli em Mister No e que recentemente também foram os responsáveis pelo Maxi Zagor nº 15, recorda o mítico editor Sergio Bonelli con un slide show produzido 7 dias após o seu falecimento.

Trata-se de uma maravilhosa vídeo-montagem intitulada “UNA GRANDE SQUADRA…. Ricordando SERGIO BONELLI” (UMA GRANDE EQUIPA… Recordando SERGIO BONELLI) “ambientada” ao som da já famosa canção “Darkwood” da autoria de Graziano Romani.

Mas ainda a propósito do título de mais esta sentida homenagem, informamos que no funeral de Sergio Bonelli compareceram (pelo menos) os seguintes autores (em rigorosa ordem alfabética):

Argumentistas: Giancarlo Berardi, Mauro Boselli, Moreno Burattini, Alfredo Castelli, Luca Enoch, Tito Faraci, Giovanni Gualdoni, Gianfranco Manfredi, Claudio Nizzi, Mirko Perniola, Jacopo Rauch, Roberto Recchioni, Pasquale Ruju e Antonio Serra.

Desenhadores: Stefano Andreucci, Fabio Bartolini, Alessandro Baggi, Alessandro Bocci, Paolo Bisi, Andrea Cascioli, Fabio Celoni, Gianluca e Raul Cestaro, Alessandro Chiarolla, Fabio Civitelli, Roberto Diso, Domenico Di Vitto, Luca Enoch, Gallieno Ferri, Lucio Filippucci, Pasquale Frisenda, Mauro Laurenti, Marcello Mangiantini, Joevito Nuccio,Alessandro Piccinelli, Giovanni Romanini, Valentina Romeo, Michele Rubini, Gianni Sedioli, Marco Santucci, Marco Soldi, Angelo Stano, Giovanni Ticci, Marco Torricelli, Andrea Venturi, Fabio Valdambrini e Claudio Villa.

Nunca tantos e tão prestigiados autores estivem juntos num só evento… e isto diz bem da grandiosidade e de como Sergio Bonelli era estimado pelos seus colaboradores e amigos…

6 Comentários

  1. Uma bela homenagem a um grande homem. Que lá onde o seu espírito estiver, continue a ajudar todos aqueles que com ele sempre colaboraram para que as edições da Bonelli Editores continuem por muitos anos a publicar as histórias dos nossos heróis preferidos, para nosso prazer, e para prazer dos nossos sucessores.

  2. Aqui se planta, aqui também se colhe, isso foi fruto da plantinha abençoada que ele regou por tantos e longos anos.
    Agora estará nos planos superiores celestiais.

  3. Apesar do contexto ser ainda tão emocional, que prazer e que privilégio ver estas imagens, com alguns dos mais famosos artistas que trabalharam ao lado de Sergio Bonelli (cuja obra é o mais perene tributo à sua memória) e ouvir – no meu caso, pela primeira vez – a canção de Darkwood, na voz tão expressiva de Graziano Romani.
    Tiremos o nosso chapéu a todos eles… e muito especialmente ao grande Mestre desaparecido, a quem todos os heróis bonellianos, antigos e modernos, devem aquilo que são hoje!

  4. Bellissima homenagem de todos estes artistas e colaboradores do Grande Mestre Sergio Bonelli. “A grandeza do homem percebe-se pelo tamanho do seu séquito de admiradores“, e eles são incontáveis porque, enquanto os heróis bonellianos perdurarem, haverá sempre um admirador da obra e da arte de todos aqueles que “se vão da lei da morte libertando“, nas palavras do grande poeta Luís de Camões.
    E a música “Darkwood” é, verdadeiramente, muito bonita.

Responder a AntónioG Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *