Os primeiros nomes dos autores presentes e outras informações referentes ao MAB Invicta – Festival Internacional de Multimédia, Artes e Banda Desenhada 2012

A organização do MAB-Festival Internacional de Multimédia, Arte e Banda Desenhada 2012 adiantou hoje ao blogue do Tex mais detalhes sobre este novo salão de BD na cidade do Porto, inclusive nomes de alguns autores presentes no evento e o cartaz oficial (que dá um amplo destaque à exposição de homenagem a Sergio Bonelli), pelo que nos apressamos a retransmitir  aos nossos leitores as mais recentes informações:

O MAB-Festival Internacional de Multimédia, Arte e Banda Desenhada é um evento dedicado a várias artes como cinema, ilustração, literatura ou animação com um especial enfoque na banda desenhada.

Decorrendo nos fins-de-semana de 10/11 e 17/18 de Março nas instalações da Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, contará com diversos autores conceituados do Reino Unido, Alemanha, Bélgica, Itália, Espanha e Portugal com reputadas obras nestas diversas artes.

Direccionado a um público ecléctico e de todas as faixas etárias, o evento contará com diversas actividades como exposições de obras originais dos artistas presentes, visitas guiadas às exposições, sessões de autógrafos, exibição de curtas e longas-metragens, masterclasses de animação além de uma zona comercial onde estarão presentes bancas de diversas livrarias, editoras, entre outros. Desta programação destaca-se ainda a exposição dedicada aos 75 anos do personagem Príncipe Valente criado por Hal Foster (coordenação e cooperação do editor Manuel Caldas) e a exposição de homenagem ao autor e editor Sergio Bonelli (Tex, Zagor, Mister No, etc.), falecido o ano passado, assim como uma exposição com a mascote do evento, Esquiço, que irá servir de sinaléctica do festival.

A cidade do Porto não tem contacto com um evento deste género há cerca de 11 anos. A organização pretende assim divulgar aos públicos interessados em cinema, ilustração, animação e banda desenhada um leque alargado de autores de variados estilos não muito conhecidos em Portugal mas que apresentam uma obra de interesse a nível europeu. Desta forma, ‘ressuscita-se’ uma tradição de divulgação de artistas que, nos casos de Marjane Satrapi, Peter Kuper, Tom Hart, Ed Brubaker, Jason Lutes ou Dave McKean, tiveram a sua primeira oportunidade de contacto com o público português no antigo Salão Internacional de Banda Desenhada do Porto.

O MAB Invicta conta com diversos parceiros para a sua programação onde, além da Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, se incluem a Metro do Porto e CasaViva. A Metro do Porto incumbir-se-á de divulgar o evento no interior das mais de 70 composições abrangendo todas as linhas e nas estações através de vídeos promocionais e reserva de espaço para duas exposições. A CasaViva está responsável pela programação paralela que contará com apresentações de novidades editoriais, exposições e concertos.

A organização adianta desde já que a lista de autores confirmados ainda não está terminada estando ainda por confirmar presenças de autores do Reino Unido, Bélgica, Espanha e Portugal.

Alemanha:
Lars Henkel (autor de banda desenhada, ilustração e animação) e autor da ilustração para o poster do nosso evento.
Ulli Lust (autora de banda desenhada e ilustração);
Anke Feuchtenberger (autora de banda desenhada e ilustração);
Ulf K. (autor de banda desenhada e ilustração).

Itália:
Fabio Civitelli (autor de “Fumetti” – banda desenhada – da popular personagem Tex, um western italiano).

Bélgica:
Thierry Van Hasselt (autor de banda desenhada, um dos fundadores da editora Fremok resultado da fusão das editoras Amok e Fréon da qual era membro fundador);
Olivier Deprez (autor de banda desenhada, um dos fundadores da editora Fremok resultado da fusão das editoras Amok e Fréon da qual era membro fundador).
Denis Deprez (autor de banda desenhada, um dos fundadores da editora Fremok resultado da fusão das editoras Amok e Fréon da qual era membro fundador).

Portugal:
Regina Pessoa (autora de banda desenhada, ilustração e animação);
Filipe Abranches (autor de banda desenhada e animação);
Pedro Serrazina (autor de animação);
Hugo Teixeira (autor de banda desenhada)

CasaViva dedicará um espaço a novos talentos nas áreas de banda desenhada, animação e ilustração onde poderão divulgar trabalhos e comercializarem as suas obras. A organização está receptiva a novos projectos bastando para tal contactar pelo endereço de correio electrónico oficial do evento: invictaindiearts@gmail.com.

Até ao final deste mês será lançado o website oficial do evento onde constará a restante programação do evento, actividades do mesmo, preços e formas de aquisição dos bilhetes além dos restantes autores presentes e demais informação.

Este é um evento sem quaisquer formas de comparticipação tendo sido realizado através de parcerias e dedicação dos seus organizadores. Porque este evento é, sobretudo, para o público, a organização do Festival, e o blogue do Tex, solicita a divulgação e promoção do evento a todos que o possam fazer.

(Para aproveitar a extensão completa das imagens acima, clique nas mesmas)

3 Comentários

  1. Muito boa reportagem essa. Esse vai ser um evento muito bom. O Brasil deveria aprender com os portugueses e a editora de Tex deveria investir mais em divulgação para não ter séries canceladas. E olha que Tex nem é publicado aí, imagina se fosse. Acho que quando a Panini assumir em definitivo Tex no Brasil a coisa vai melhorar.

  2. Respeito a opinião, Marcos, e não vivo no Brasil para poder basear-me em factos (e leio regularmente nas próprias revistas queixas de leitores sobre falhas de distribuição em várias cidades e locais do Brasil) mas também vi um esforço imenso da Mythos, que melhorou e muito o tratamento dado a Tex, mil vezes melhor que as editoras anteriores. Então e não seria a própria editora a principal interessada nessa divulgação?

    Além de vários eventos que já existiram no Brasil, inclusive com o próprio Civitelli!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.