Exposição de Homenagem a Sergio Bonelli e a presença de Fabio Civitelli no Porto – Mab Festival de Banda Desenhada

Por José Carlos Francisco

O Cartaz do MAB Invicta – Festival Internacional de Multimédia, Arte e Banda Desenhada, coloca em evidência a exposição de homenagem a Sergio Bonelli

MAB Invicta – Festival Internacional de Multimédia, Arte e Banda Desenhada a realizar na Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, evento organizado por Manuel Espírito Santo, Diogo Campos, Jorge Ferreira, André Azevedo e Paula Fonseca, traz pela QUINTA vez, o consagrado desenhador italiano de Tex, Fabio Civitelli a Portugal, que deste modo vem abrilhantar ainda mais a edição de estreia deste novo Festival de Banda Desenhada na capital do Norte, o qual auguramos um futuro bem promissor.

Depois dos grandes sucessos ocorridos em Portugal com as várias exposições ligadas ao Tex (Os desenhadores dos Tex Gigantes, em 2005 no Salão de Viseu; A nova vaga de desenhadores de Tex, em 2007 no Salão de Moura; Os 60 anos de Tex, em 2008 no Festival da Amadora, Os 25 anos de Fabio Civitelli a desenhar Tex, em 2010 no Festival de Beja e As Cidades do Tex, em 2011 no Salão de Viseu) ocorridas nos últimos anos em Portugal e que contou com a presença de Fabio Civitelli por 4 vezes (2007 em Moura, 2008 na Amadora, 2010 em Beja e 2011 em Viseu) e Marco Bianchini (Amadora 2008), não esquecendo também a presença de Ivo Milazzo no último Festival de Beja onde estiveram expostas páginas originais do seu Tex Gigante, finalmente o blogue português do Tex pode confirmar a presença de Fabio Civitelli no 1º  MAB Invicta – Festival Internacional de Multimédia, Arte e Banda Desenhada, a realizar em Março próximo.

Fabio Civitelli depois de ter sido galardoado com o Troféu Anim’arte em 2010 regressa novamente a Portugal, desta vez à bela cidade do Porto

Fabio Civitelli que estará presente na cidade do Porto no fim de semana de 17 e 18 de Março, terá uma nova exposição dedicada ao Tex, esta dedicada ao Tex Gigante que está a produzir, nº 27 da série, a ser lançado na Itália em Julho e cuja trama contendo 224 páginas tem o título provisório ”La cavalcata del morto“. Argumento e guião de Mauro Boselli e cuja história aborda uma maldição… um misterioso fantasma sem cabeça está a levar a cabo uma horrível vingança contra aqueles que o mataram há vinte anos atrás. Tex e os seus pards, ajudados por El Morisco tentam pará-lo a todo o custo… a exposição contará com 6 pranchas (obviamente) INÉDITAS deste que é um dos mais conceituados desenhadores do Ranger.

Mas um dos grandes destaques do Festival de Banda Desenhada do Porto, para além da presença de Fabio Civitelli (e de muitos outros autores que a seu tempo serão divulgados) é uma Exposição de Homenagem a Sergio Bonelli.

Sergio Bonelli e o Forte da Legião Estrangeira no deserto do Sahara

Devido à triste circunstância do falecimento inesperado de Sergio Bonelli em 26 de Setembro de 2011, o Festival e os seus responsáveis realizarão uma exposição de homenagem póstuma a Sergio Bonelli, onde serão expostas fotografias de Sergio Bonelli, alguns livros dedicados ao editor milanês (Mister No & Mister Nolitta, Lezioni di fumetto – Guido Nolitta, etc.), algumas cartas que Sergio Bonelli escreveu a José Carlos Francisco, algumas das edições de Tex autografadas por Sergio Bonelli também da colecção de José Carlos Francisco, alguns recortes de jornais portugueses sendo também expostos alguns dos desenhos que vários autores fizeram homenageando Sergio Bonelli após o seu falecimento, pretendendo assim a organização dar a conhecer melhor aos fãs e coleccionadores portugueses de banda desenhada, o principal artífice da passagem dos fumetti (BD italiana) de simples entretenimento popular a produto com dignidade cultural, criando ao longo da sua carreira de cinquenta anos uma das mais importantes editoras de Banda Desenhada no contexto italiano e mesmo mundial.

Fabio Civitelli, José Carlos Francisco e Sergio Bonelli em Milão, Março de 2010

Sergio Bonelli fez sonhar gerações de italianos mas também de leitores de muitos outros países, como por exemplo Portugal, por isso nada mais justo que o nosso país lhe dedique a exposição de homenagem que Sergio Bonelli merece.

Todos estes eventos comprovam também que Tex continua na “moda” no nosso país e mostram que o Ranger continua também a arrastar muitos fãs, daí os principais eventos ligados à banda desenhada em Portugal continuarem a apostar na presença de autores ligados ao Tex e em exposições relacionadas com o mundo de Tex Willer. E o Festival de BD do Porto contará seguramente também com a participação de inúmeros Texianos vindos de todo o país e inclusive do estrangeiro, pelo que Texiano amigo, programe-se para comparecer na bela cidade do Porto no fim de semana de 17 e 18 de Março e desfrutar de mais um evento que ficará marcado a letras de ouro na História de Tex em Portugal!

Civitelli e os texianos – Imagem de Moura 2007 – para repetir no Porto em 2012

Civitelli e os texianos – Imagem da Amadora 2008 – para repetir no Porto em 2012

Civitelli e os texianos – Imagem de Beja 2010 – para repetir no Porto em 2012

Civitelli e os texianos – Imagem de Viseu 2011 – para repetir no Porto em 2012

7 Comentários

  1. Bela notícia, grande Zeca!
    A realização desse tipo de evento prova que o nosso querido ranger está cada vez mais se consolidando entre os leitores portugueses. A presença do simpático e grande mestre Civitelli, sem dúvida atrai muita gente aos eventos.
    É isso aí, não podemos deixar morrer o último dos cowboys que, milagrosamente, tem sobrevivido num mundo repleto de super-heróis e mangás!
    Tenham todos um grande 2012, com muita saúde, paz e sucesso!

  2. Muito bom mais um evento com o ranger. Parabéns.
    Em Portugal são muitos, pena que no Brasil são tão poucos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.