Exposição “Comics, que paixão! Os quadrinhos italianos, de 1950 até hoje”

Por Ezequiel Guimarães

A nona arte italiana em exposição em São Paulo

O Istituto Italiano di Cultura San Paolo está a promover uma interessantíssima exposição:  “Comics, que paixão! Os quadrinhos italianos, de 1950 até hoje.”.  A imperdível mostra foi encomendada pelo Istituto Italiano ao curador Maurizio Scudiero, responsável por montar a mostra.

São quadrinhos muito diferentes uns dos outros. Nos anos 1930, eles buscavam ser como os americanos, mas, pouco a pouco, se transformaram em uma escola que começou a exportar obras para todo o mundo.”, disse o curador Maurizio Scudiero ao jornal Metro.

Sergio Bonelli

Segundo o jornal Estadão, a mostra apresentará cerca de 70 trabalhos de diversos autores. Entre os destaques, clássicas personagens – de Dylan Dog e Topolino a Valentina – e autores como Tiziano Sclavi, Milo Manara, Pratt, Sergio Bonelli, Crepax, Romano Scarpa, Andrea Lavezzolo, Benito Jacovitti, Massimo Rotundo e Simone Bianchi.

Centro Cultural São Paulo – Espaço Mário Chamie – Rua Vergueiro, 1.000 – Liberdade – Centro – (011) 3397-4002 – www.centrocultural.sp.gov.br
– Acesso para deficientes
– Wi-fi

De 05/07/2016 até  14/08/2016
Terça: 10h, 20h
Quarta: 10h, 20h
Quinta: 10h, 20h
Sexta: 10h, 20h
Sábado: 10h, 18h
Domingo: 10h, 18h

Abaixo, a nota oficial do Istituto Italiano di Cultura San Paolo:
A più di un secolo dalla sua nascita, il fumetto è un linguaggio narrativo tra i più popolari al mondo, che coniuga disegno e letteratura, immagine e testo. In Italia, periodici e libri a fumetti hanno appassionato varie generazioni di lettori di età, formazione ed estrazione sociale diverse. In questa esposizione vengono mostrati diversi disegni originali, opera sia dei maestri delle pubblicazioni seriali dagli anni ’50 a oggi (come Aurelio Galleppini, Antonio Canale, Antonio Terenghi, Gian Battista Carpi…) sia di autori dal taglio letterario e ormai universalmente riconosciuti (quali Hugo Pratt, Milo Manara, Guido Crepax, Dino Battaglia). All’inaugurazione sarà presente il curatore della mostra Maurizio Scudiero.

Aurelio Galleppini

(Para aproveitar a extensão completa das imagens acima, clique nas mesmas)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.