TEX WILLER EM ANADIA (em xilogravura)

novembro 14, 2017

TEX WILLER EM ANADIA

(em xilogravura)

TEX WILLER EM ANADIA (em xilogravura)

Ricardo Elesbão Alves e José Carlos Francisco com a xilogravura de Tex em Anadia

A xilogravura de Tex em Anadia, mais precisamente em frente aos Paços do Concelho, que damos hoje a conhecer, foi produzida por Maércio Siqueira a partir de um desenho original de Pasquale Del Vecchio realizado em 2014 propositadamente para a 1ª Mostra do Clube Tex Portugal, a pedido de dois grandes coleccionadores e ilustres sócios brasileiros do Clube Português Antonio Carlos da Silva, popularmente conhecido por Rouxinol do Rinaré e Ricardo Elesbão Alves.

Trata-se de uma peça exclusiva para a BiblioTex do pard português José Carlos Francisco, e por isso mesmo não será reproduzida, nem comercializada, tratando-se assim de um objecto único e também por isso mesmo valioso. Foi um presente inusitado que estes dois grandes coleccionadores brasileiros resolveram brindar o seu congénere português e foi entregue pessoalmente por Ricardo Elesbão Alves durante uma visita efectuada a Anadia neste último fim de semana.

José Carlos Francisco com a xilogravura de Tex em Anadia

A xilogravura é originalmente desenhada de forma espelhada (ao contrário) para quando for impressa o desenho ficar normal. Neste caso específico o artista plástico Maércio Siqueira não utilizou essa técnica, pois a intenção era expor a matriz como um quadro na parede.

Xilogravura de Tex em Anadia no Museu do Vinho Bairrada

A vinda de Ricardo Elesbão Alves a Anadia, a capital portuguesa do Ranger,  proporcionou uma visita à Exposição Permanente de Tex que se encontra em exibição no Museu do Vinho Bairrada e onde se encontra exposta também a arte de Pasquale Del Vecchio o que permitiu comparar ambos os trabalhos como se pode visualizar nas fotos que ilustram este texto.

A arte de Pasquale Del Vecchio em quadro e em xilogravura

José Carlos Francisco e Ricardo Elesbão Alves na capital portuguesa do Tex!

O QUE É XILOGRAVURA?
Xilo (do grego ksúlon) significa madeira; assim, Xilogravura significa gravura em madeira. É uma antiga técnica, de origem chinesa, em que o artesão utiliza um pedaço de madeira para entalhar um desenho, deixando em relevo a parte que pretende fazer a reprodução. Em seguida, utiliza tinta para pintar a parte em relevo do desenho. Na fase final, é utilizado um tipo de prensa para exercer pressão e revelar a imagem no papel ou outro suporte. Um detalhe importante é que o desenho sai ao contrário do que foi talhado, o que exige um maior trabalho ao artesão.

Xilogravura do Tex nos Paços do Concelho de Anadia

QUEM É MAÉRCIO SIQUEIRA?
Máercio Lopes de Figueirêdo Siqueira
nasceu na Região brasileira do Cariri Cearense, em Santana do Cariri-CE, em 21 de Novembro de 1977. Em 1983, sua família mudou-se para Crato-CE, morando nesta cidade a partir de então. Desde criança, admirou e praticou o desenho. Inclinado para temas filosóficos e religiosos, desejou seguir a vida sacerdotal na Igreja Católica, mas repensou a sua decisão após dois anos de seminário. Formou-se em Letras pela Universidade Regional do Cariri. Foi durante a faculdade que conheceu o universo da literatura de Cordel, a sua história e importância cultural, e a xilogravura enquanto arte plástica expressiva no Nordeste do Brasil. Produziu o seu primeiro cordel e a sua primeira xilogravura, sendo admitido na Academia dos Cordelistas do Crato, em 1999. Viu na Xilogravura um campo de possibilidades artísticas. Estudou o assunto, inteirou-se da arte de gravar na madeira praticada no mundo, e teve nas gravuras de Gustave Doré uma referência para a sua técnica de produção de imagens xilográficas. Reunindo-se a Carlos Henrique e a Guto Bitu, artistas cratenses, em 2008, formaram o XICRA – Xilógrafos do Crato, pois a xilogravura realizada nesta cidade diferenciava-se, técnica e esteticamente, dos trabalhos do importante grupo de xilogravadores de Juazeiro de Norte, formada esta em torno da histórica Lira Nordestina. O artista realizou entre 2008 e 2009 algumas exposições de xilogravura no Crato, havendo boa aceitação do seu trabalho. Na linha da literatura, também publicou diversos folhetos de cordel. Há alguns anos, Maércio Siqueira é solicitado para ilustrar capas de cordel e livros ligados à literatura de cordel.

Máercio Lopes de Figueirêdo Siqueira e três maravilhosas xilogravuras com a presença de Tex

Ricardo Elesbão Alves e Rouxinol do Rinaré com três xilogravuras especiais de Tex!

(Para aproveitar a extensão completa  das imagens acima, clique nas mesmas)

3 Responses to “TEX WILLER EM ANADIA (em xilogravura)”

  1. MAGNIFICO – SENSACIONAL!
    Made in CEará(Brasil) para a Capital Portuguesa do Tex, Anadia-Portugal!
    Ao Artista(Maércio Siqueira), aos Colecionadores(Rouxinol do Rinaré & Ricardo Elesbão), e ao Zeca, saudações Texianas!

  2. Merecido presenTEX ao Pard ZECA, nosso irmão Bonelliano, parabéns ao artista Maércio e ao Rouxinol e Ricardo Elesbão!

  3. Meu caríssimo Amigo e Pard Zeca, como já lhe disse, foi um prazer e uma honra lhe conhecer em pessoa, assim como sua amável e gentil família. Nos sentimos todos em casa e realmente tivemos uma dia maravilhoso em família, proporcionado por interesses e prazeres comuns e claro pela paixão pelo nosso querido personagem Tex Willer. Já estou de volta ao trabalho após esses dias de trabalho e “férias” em Portugal. Espero ansioso pelo chegada do fim de abril e da Quinta Mostra do Clube Tex Portugal, Anadia 2018.
    Um forte e grande abraço e um até breve.

Leave a Reply