Tex Willer de punhal na mão, por Enrico Marini

Por Afrânio Braga, criador do blogue Blueberry, Uma Lenda do Oeste: https://blueberrybr.blogspot.com

Tex Willer de punhal na mão, por Enrico Marini

Enrico Marini

Enrico Marini

Autor – Roteiro – Desenho – Cores
Enrico Marini, de nacionalidade italiana, nasceu em 13 de Agosto de 1969 na Suíça onde, durante quatro anos, estudou o grafismo na École des Beaux-Arts (Escola de Belas Artes) de Basileia.

O seu traço é então influenciado pelos comics americanos, os fumetti italianos e o mangá japonês e a sua admiração se conduz sobre autores tais como Hermann, Jordi Bernet, Milton Caniff, Alfonso Font, Jean Giraud e Otomo.

A sua carreira debuta em 1987 no Festival de la Bande Dessinée de Sierre, Suíça, onde concorre com os novos talentos. Reconhecidamente muito rápido, ele vê confiar sua primeira série “Oliver Varèse”, sobre um roteiro de Thierry Smolderen, na editora Alpen Publishers.

Em 1992, Marini e Smolderen mudam de universo e criam Gipsy, um verdadeiro herói de carne e de sangue. Marini percorre em seguida, com Jean Dufaux, o mundo dos vampiros com “Rapaces”, do qual o primeiro tomo saiu em 1998.

Com Stephen Desberg, concretiza um sonho de criança, desenhar um western, e publica o primeiro volume de “L’Étoile du Désert” em 1996. Desse encontro nasce igualmente, quatro anos mais tarde, “Le Scorpion”, um grande afresco de capa e espada. Desde 2007, Marini, autor completo, faz reviver a antiguidade com “Les Aigles de Rome”.

Em 2017, liga-se a um novo desafio: oferecer a Batman a sua primeira aventura sob os lápis de um autor de história em quadrinhos franco-belga. Publicado pela Dargaud em colaboração com a DC Comics, o díptico consagrado ao Cavaleiro das Trevas se conclui em Junho de 2018.

Fonte: Dargaud Éditeur, Paris, França.

A personagem Tex foi criada por Giovanni Luigi Bonelli e realizada graficamente por Aurelio Galleppini
Tex © Sergio Bonelli Editore

Agradecimentos a Enrico Marini.
Afrânio Braga

(Para aproveitar a extensão completa das imagens acima, clique nas mesmas)

5 Comentários

    • Ainda não, pard Teodoro e ainda deve demorar um pouco porque ainda estão a decorrer as negociações entre a Mythos e a Panini/SBE…

  1. Está na hora dele fazer um Tex Gigante. É visível que ele é um grande fã de Tex e não negaria um pedido da Bonelli.

    • O “problema” pelo que sei é que o Enrico Marini é um desenhador demasiado caro para os padrões Bonellianos… mas quem sabe, devido a essa paixão bem visível, ele faça um desconto à Bonelli e tenhamos uma história dele num futuro cartonado…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *