Na estreia radiofónica de PRANCHAS E BALÕES na Rádio Antena 1, Tex Willer, Clube Tex Portugal e personagens Bonelli foram tema de conversa

* Uma viagem pelo mundo da Banda Desenhada. Todas as semanas, Rui Alves de Sousa traz as novidades que chegaram às livrarias, os clássicos, os grandes temas da atualidade da nona arte e as entrevistas com os artistas mais conceituados… Continuar a leitura

Jornal i, de 21 de Junho, apresenta “Tex levanta problemas” a propósito de Patagónia, da Editora Polvo

Jornal i Texto da secção “Leitor de BD“, de 21/06/2021 Ricardo António Alves Tex levanta problemas A narrativa é poderosa, encorpada, sem palha, fugindo aos lugares-comuns, mesmo que aqui e ali possa incorrer em algum anacronismo.  Passada a fase do saque, escravização… Continuar a leitura

Tex: Patagónia – Mauro Boselli e Pasquale Frisenda na visão de Cristina Alves

Por Cristina Alves[*] A maioria das histórias de banda desenhada que têm origem na Bonelli (pelo menos, a maioria das que li) possuem arcos narrativos curtos e relativamente simples, prestando-se a uma leitura fluída e rápida, com alguns detalhes narrativos… Continuar a leitura

As cores ALTERNATIVAS da capa portuguesa de Tex “Ouro Negro”

Em 2017 por ocasião da 4ª Mostra do Clube Tex Portugal, evento realizado, como sempre, em Anadia, ocorreu o lançamento de Tex “Ouro Negro“, obra escrita por Gianfranco Manfredi e desenhada por Leomacs (pseudónimo de Massimiliano Leonardo), o quarto volume… Continuar a leitura

Jornal i, de 5 de Outubro, apresenta “Tex, um amigo dos índios” a propósito de Capitan Jack, da Editora Polvo

Jornal i Texto da secção “Leitor de BD“, de 05/10/2020 Ricardo António Alves Tex, um amigo dos índios O livro de hoje fala-nos de um herói conhecido pela sua amizade e solidariedade para com os índios. É inclusivamente chefe honorário… Continuar a leitura

“Os Predadores do Deserto” – Tex Romance Gráfico (da Polvo Editora) na análise de Rui Cunha

Por Rui Cunha (texto) e Margarida Cunha (fotografias) Apesar da palavra deserto nos causar algum arrepio quando pronunciada seja em que circunstância for, o mais que não seja pelo próprio significado a ela ligado: um completo vazio seja do que… Continuar a leitura

Jornal de Notícias, de 17 de Junho, apresenta “Tex: Os predadores do deserto” da Editora Polvo

Texto da secção Cultura/Sugestões de 17/06/2019 BD F. Cleto e Pina “Predadores do deserto”, homenagem de Tex  a Corto Maltese * Obra foi agora publicada pela editora Polvo . Datado de 2002, “Os Predadores do Deserto”, agora editado pela Polvo,… Continuar a leitura