Giovanni TICCI em Curitiba, no Brasil

Por José Carlos Francisco

Depois de 2010 ter ficado gravado a letras de ouro na história de Tex no Brasil, devido à presença do consagrado desenhador de Tex, Fabio Civitelli, em Outubro passado para participar do 17º Fest Comix em São Paulo, tudo parece indiciar que 2011 será mais um ano histórico para Tex e para os seus fãs e coleccionadores brasileiros já que há fortíssimas probabilidades de Giovanni Ticci, o terceiro desenhador de Tex na quantidade de páginas desenhadas, após Galep e Lettèri e que supera a marca das 7.000 páginas de Tex, também poder estar presente este ano no Brasil, mais precisamente em Curitiba, entre os dias 15 e 17 de Julho, no decurso da primeira Convenção Internacional de Quadrinhos de Curitiba.

Segundo Fabrizio Andriani, um dos responsáveis da organização, o evento ainda está em seus primórdios, mas deverá contar com a participação de grandes nomes da banda desenhada brasileira. Em Julho próximo, acontecerá o lançamento do evento, que será apelidado de número Zero.

Curitiba é uma cidade muito envolvida com a banda desenhada e cuja Gibiteca que irá completar 30 anos em 2012, é a mais antiga da América Latina. Devido a esse, mas também a outros motivos, os responsáveis do evento acharam ser da mais elementar justiça que a cidade de Curitiba venha a ter um evento desta magnitude, para além de Curitiba estar a passar por um momento muito favorável culturalmente e economicamente, já que a cidade pertencente ao Estado do Paraná cresceu muito nos últimos tempos e vem gente do Brasil inteiro para morar nessa linda e especial cidade, que inclusive está preparada para receber turistas do mundo inteiro, fazendo tudo isto com que a cidade tenha um ar mais cosmopolita.

Nesta convenção de número Zero, os responsáveis querem que o Brasil e o mundo fiquem a saber que em Curitiba está a começar um novo evento de banda desenhada e ser mais um espaço de discussão e aprimoramento e claro, encontro entre fãs e seus ídolos da nona arte, inclusive no que a Tex diz respeito.

Tal como já anunciamos, o  evento vai acontecer no mês de Julho deste ano entre os dias 15 e 17 e contará com uma exposição dedicada ao TEX. Exposição essa que terá a bênção de Giovanni Ticci, um dos grandes desenhadores do Ranger e que participará como embaixador da Bonelli em comemoração ao ano da Itália no Brasil.

Em breve e assim que houver mais informações concretas, o blogue do Tex voltará ao assunto, mas segundo as investigações que estamos já a efectuar a vários níveis, poderá haver ainda mais surpresas (e que surpresas) no que a Tex diz respeito, mas para já são apenas intenções e por isso vamos ter que esperar que as coisas se tornem ainda mais palpáveis para poder divulgar, se bem que só a presença de Giovanni Ticci no Brasil se se vier a confirmar como tudo indicia, ser já um marco que ficará também assinalado a letras de ouro na história de Tex no Brasil e muito provavelmente a Mythos Editora também assinalará o momento com alguma edição especial dedicada a Giovanni Ticci, tal como aconteceu com a recente presença de Fabio Civitelli em São Paulo!

(Para aproveitar a extensão completa das imagens acima, clique nas mesmas)

12 Comentários

  1. Infelizmente eu devo estar no Brasil em outra altura, mas espero que os bonellianos daí consigam aproveitar a presença deste grande mestre dos desenhos!

  2. Fantástico! Poderiam também aproveitar e trazer outros autores bonellianos para o FIQ 2011 e o Rio Comicon 2011 (Outubro-Novembro)!

  3. Depois de Civitelli, agora vem o grande Giovanni Ticci marcar presença no Brasil. É simplesmente FANTÁSTICO!

  4. Fantástica notícia. E além do mestre Ticci vai ter uma exposição texiana? Maravilhoso. Só falta a Mythos lançar uma edição em comemoração à vinda dele ao país e uma edição temática, nos mesmos moldes que foi feito com o Civitelli, aí ficará simplesmente PERFEITO.
    Será a primeira exposição texiana acompanhada de um desenhista do ranger (no Brasil), então só por isso já é um momento histórico (e único até agora).
    Com isso, tomara que o Brasil entre definitivamente na rota de exposições texianas anuais (ou quase anuais), rota que Portugal já faz parte a um certo tempo, graças ao trabalho incansável do pard ZECA.
    Parabéns aos responsáveis pelo evento curitibano.

  5. Ticci no Brasil???
    Em Curitiba???
    Já estou reprogramando minha agenda.
    Com certeza, se Deus quiser, EU VÔ!!!

  6. Caramba, quase tive um “tréco“, TICCI (desenhista preferido), em Curitiba (minha cidade), em julho/2011 (período do meu aniversário). Puts, esse negócio dos 5 (cinco) no mês de julho já está dando resultado. Vaaallleeeuuu, grande pard ZECA, saudações TEXianas.

  7. Como disse em uma discussão do Fórum TEXBR, não sei por que cargas d’água, a Mythos não entra em contato com a Embaixada Italiana (Fumetti, é cultura italiana, bem como, um produto cultural rentável!!) no Brasil e consigam desta forma mais apoio mútuo – teve o lance do pai do Mangá e Anime, no MASP via Embaixada Japonesa e criação de uma Associação de promoção das artes nipônicas, firme até hoje: ABRADEMI, eis o linque: http://bengalasboysclub.blogspot.com/2011/02/exposicao-de-hqs-no-masp-museu-de-arte.html , a imigração italiana é marcante nesta terra brasilis, além de que, em SP por exemplo, há curso de italiano há alunos da rede estadual em Italiano – gratuitos,- então, Fumetti nesta gurizada-, parceria cultural, deveria ter sido montada há anos!!
    E que venha o Ticci, vamos ver se chego um pouco mais no Paraná e sua Capital (só conheço Londrina, Cambé, etc. na divisa Oeste de São Paulo).
    Bom, que venha também o Bonelli (Guido Nolitta – 50 anos de Zagor) na RioComicon rsrs… o cabra tem título de ‘carioca’ honoraris e adora o Brasil – cidadão brasileiro, mesmo!! -,ou na FestComix 2011, rsrs!!

  8. Emocionante a vinda de Ticci ao Brasil, ele faz parte daquele quinteto de ouro do Tex, composto ainda por Galep, Fusco, Letteri e Nicolò.
    A Mythos poderia relançar o Tex 2, “Vingança de índia” incluindo os cortes das ultimas páginas em decorrencia da censura dos anos 70, que foram mantidos na segunda edição.

  9. Grande notícia, bengala brother Zeca!
    Ticci é muito querido por aqui e com certeza vai ser sucesso este evento. O bengala friend, Wilson Sacramento, tem razão…
    Via embaixada italiana a Mythos poderia realizar um grande evento texiano no país, como realizou a ABRADEMI no MASP, o mais importante museu de arte da América Latina.
    Afinal, São Paulo é uma cidade tipicamente italiana.
    Milhares de italianos e seus descendentes habitam esta cidade.
    Taí uma boa idéia lançada no ar para ser estudada.
    Ticci é o meu predileto e com certeza, se ele vier, tb irei a Curitiba, uma das cidades mais evoluídas brasileiras, que conheço bem.
    Vamos aguardar e que venha o fera! (Rsss…).
    Grande mano amplexo à todos!

  10. Gostaria de saber como posso enviar um filme para o grande desenhista de Tex?
    O filme conta a história de Jesuino Brilhante, grande cangaceiro da fronteira Paraíba/Rio Grande do Norte, que é minha região.

  11. Prezado Juscelino de Oliveira,

    Para fazer chegar o filme que deseja enviar ao Giovanni Ticci, deve-o fazer enviando para a editora Bonelli ao cuidado do próprio Ticci, que depois da recepção, os responsáveis da editora reencaminharão o seu pacote ao Ticci.

    O endereço da editora é:

    SERGIO BONELLI EDITORE
    Via M. Buonarroti, 38
    20145 Milano – Italia

Responder a Ronald Guimaraes Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *