Do esboço inicial à capa final de Tex #693 (“Il ritorno di Proteus”), passando inclusive pelas cores originais de Claudio Villa

Por José Carlos Francisco

Claudio Villa

No próximo dia 7 de Julho a Sergio Bonelli Editore irá publicar a edição número 693 de Tex, intitulada “Il ritorno di Proteus” (“O retorno de Proteus”) que contém a primeira parte de uma história escrita por Pasquale Ruju e desenhada por Bruno Ramella, uma aventura que trará o retorno, mais de 25 anos depois, do surpreendente homem dos cem rostos, o “ressuscitado” Proteus!

Proteus evade-se da prisão de Yuma e volta a tecer a sua densa trama de intrigas… Tex Willer e Kit Carson chegam a Flagstaff seguindo a pista de sangue disfarçada pelas suas armadilhas e pelos seus disfarces, enquanto reaparece o dramático passado e a educação criminosa do indescritível homem das mil faces!

A capa, tal como todas posteriores ao número 400, é da autoria do conceituado desenhador Claudio Villa, capa essa que divulgamos hoje aqui no blogue do Tex acompanhada do esboço inicial, mas também da arte final a preto e branco e da capa original pintada pelo próprio Claudio Villa tal como temos feito com alguma regularidade devido à gentil cortesia de Villa que nos tem dado a conhecer nos últimos tempos as suas cores originais das capas que vai produzindo para Tex:

 

Esboço inicial da capa de Tex #693, da autoria de Claudio Villa

Arte a lápis da capa de Tex #693, da autoria de Claudio Villa

Arte final a preto e branco da capa de Tex #693, da autoria de Claudio Villa

Capa de Tex #693, com as cores originais de Claudio Villa

Capa de Tex #693

(Para aproveitar a extensão completa das imagens, clique nas mesmas)

3 Comentários

  1. O Villa cada vez melhor, a Mythos poderia publicar Tex em formato italiano, para apreciação da linda arte desse gênio.

  2. Não dá Antonio. Quem comanda a Mythos já falou que os leitores veteranos, que acompanham Tex desde os anos 70, não iriam gostar, por que acabaria com a padronização das suas revistas. Algo ridículo como isso. O Dorival tem medo de mudar o formato, e os leitores “velhinhos”, abandonem suas coleções. Pode rir se quiser, eu prefiro chorar.

  3. Ah então… o final da Aventura “Prendam Tex Willer”, na Edição Histórica 93… tem mais coisa aí…
    Bem que eu desconfiei…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *