Vídeo: Os 50 anos de Tex no Brasil – A edição especial, os cards, o evento… tudo pela Mythos Editora

Em pleno final de semana a Mythos Editora preparou uma surpresa: a editora Paulista está a renovar o seu espaço e inaugurou o Mythológico! O novo canal da Mythos Editora! E logo na estreia, Tex, é o principal alvo das novidades trazidas pela Joana Rosa Russo, pelo Giovanni e pelo Renato, o trio responsável pela comunicação e marketing da Mythos Editora.

No trecho do vídeo que apresentamos de seguida, um extracto de cerca de 6 minutos integralmente dedicado a Tex, podemos ver a apresentação da edição especial para celebrar 50 anos de publicação ininterrupta de Tex no Brasil, uma grandiosa edição de 320 páginas em formato italiano, com duas das aventuras mais marcantes da fabulosa saga texiana, ambas épicas: “O Cavaleiro Solitário” escrita por Claudio Nizzi e desenhada pelo saudoso Mestre Joe Kubert e “Ao Sul de Nogales com argumento de G. L. Bonelli e desenhos de Giovanni Ticci

Mas a data comemorativa de meio século de vida editorial do Ranger no Brasil, será também assinalada com um grandioso evento que a Mythos Editora está a preparar e que contará inclusive com a presença do editor Dorival Vitor Lopes. Infelizmente por causa deste tempo pandémico em que o mundo está a viver, é muito provável que o evento não possa ser físico, mas sim on-line com uma live que contará com a participação dos fãs e leitores de Tex, mas também com muita informação referente a Tex e aos seus 50 anos de vida editorial.

Mas as surpresas não ficarão por aqui porque a Mythos também está a preparar uma fantástica colecção de cards do Tex, de elevada qualidade, com os principais marcos da publicação de Tex no Brasil, com capas e informações diversas que serão certamente do agrado dos fãs e coleccionadores de Tex, mas melhor do que palavras é assistir então ao vídeo que apresentamos de seguida:

14 Comentários

  1. Quanto mais se acrescenta nessa edição comemorativa pior fica, um fiasco, nunca imaginei homenagem tão equivocada.
    Esses cards já enjoaram, que empreitada de puro dissabor.
    Porque não publicar o álbum de figurinhas?
    Enfim boas vendas…

  2. Como grande fã e colecionador de Tex vou encomendar essa coleção de cards pela Mythos.

  3. Estou esperando ansioso essa publicação, tudo que se refere a TEX eu gosto… parabéns pela iniciativa.

    • Simplesmente bastava republicar a edição 1 no estilo Ídolo de cristal, livro capa dura e de brinde uma estrela de ranger ou xerife e pra completar junto a aventura Horda selvagem.
      Em cores.

  4. O cavaleiro solitário saiu “recentemente” em cores no Tex Gold da Salvat. Poderiam fazer uma edição gigante em capa dura com outra história clássica antiga em cores.

    • Eu acredito que a editora esse ano vai dar a volta por cima e publicar alguma boa edição especial do Tex.
      Como todo autêntico colecionador vou comprar os cards e o Especial, mas, não vou nem folhear tamanha é a decepção com essa edição comemorativa.
      Pra início, a capa deveria ser do Galep.
      Critiquei muito também a capa da Salvat na aventura escrita pelo Berardi, uma linda capa do Galep original substituída por uma capa do Ticci, estragando a coleção.
      A Mythos gosta muito do Villa e do Civitelli, que são ótimos, no entanto, cada um na sua ocasião.
      E basta de cards.

  5. Na minha humilde opinião acho que deveria ser o número 1 (O signo da serpente) lá de 1971, com a mesma capa, só que dessa vez capa dura e colorida, no estilo das gigantes capa preta, aí seria realmente uma homenagem aos 50 anos de de Tex no Brasil.

  6. Caramba! Porque essa insistência de 50 anos! São 70 anos de Tex no Brasil! E apenas 50 anos de publicação ininterrupta! Quanto às histórias escolhidas, deviam escolher outras melhores. O Cavaleiro Solitário saiu recentemente, e nem é essas pérolas todas. Um brinde melhor à altura do Tex seria uma estatueta ou um exemplar italiano. Às vezes penso que esse pessoal não conhece o ranger!

  7. Pard José Carlos, tu sabes quando a Mythos irá disponibilizar as edições de fevereiro para venda?

  8. De uns anos pra cá, edições especiais do Tex está vindo muito bem caprichada, tratamento excelente mesmo sendo histórias que já saíram em outras edições.
    Vale muito a pena adquirir, depois de Tex Gigante em cores de lá pra cá só material excelente.
    E outra gostaria muito de a Mythos publicar O passado de Kit Carson em edição especial como aquela A volta de Mefisto, ou edições de grandes aventuras do Tex. Esse ano também estão excelente as edições do Zagor, tomara que cada vez mais sucesso nas vendas pra trazer mais material Bnnelli do bom pra gente .
    A ideia dos cartões postais muito boa.
    E agora com a ideia dos cards melhor ainda.

  9. Achei essa homenagem meio chinfrim.
    Pra homenagear de verdade os 50 anos de publicação ininterrupta no Brasil, seria a republicação do número 1 em capa dura no estilo Tex Gigante capa preta, e de brinde a estrela de ranger pra todos os compradores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *