Novidades natalícias da Mythos para TEX!

Editor Dorival Vitor Lopes “fala” ao Tex Willer Blog

Com o fim do ano a aproximar-se vertiginosamente e tendo em conta que a quadra natalícia é propícia a novidades e presentes, contactamos a Mythos Editora, na pessoa do editor Dorival Vitor Lopes, para nos informar que surpresas, Bonellianas no geral e Texianas em particular, estavam a ser preparadas para surpreender e agradar os fãs e coleccionadores dos fumetti da Mythos Editora já que a editora Paulista sempre nos brinda com sucolosas guloseimas por esta altura do ano.

E realmente segundo o editor Dorival “Neste fim de ano teremos muitas guloseimas para os nossos amigos fãs de Tex, Zagor, Júlia, Mágico Vento, Dragonero…
Nos meses de Novembro, Dezembro e Janeiro vamos lançar várias edições especiais, algumas que os leitores já estavam pedindo e algumas serão surpresa. A maioria em edições formato italiano e papel offset, no sistema Edição Limitada.“.

Um dos exemplos que certamente agradará todos os fãs e coleccionadores do Ranger é que após o grande sucesso do Superalmanque Tex, que trouxe a historiona A Cela da Morte, a Mythos Editora fará uma segunda edição, agora só com histórias do grande Mestre Giovanni Ticci.

Giovanni Ticci

Uma edição de quase 500 páginas, com as aventuras Vingança de Índia, O Ataque de Goldena e Assalto ao Trem. No formato tradicional e consolidado de Tex no Brasil, o chamado formatinho, em papel jornal, que será distribuído pelas bancas do Brasil, mas também no formato italiano, com papel offset, que estará à venda somente através do site da Mythos Editora.

Superalmanaque Tex nº 1, foi publicado em Dezembro do ano passado

Do jovem Tex Willer a Mythos vai publicar a edição especial que a Sergio Bonelli Editore lançou no final do ano passado chamada Fantasmas de Natal. Uma enregelante aventura, com 128 páginas, passada nas neves das Montanhas Rochosas, com argumento de Mauro Boselli, Marco Nucci, Giulio Antonio Gualtieri, roteiro de Mauro Boselli, desenhos de Marco Ghion, cores de Gianmauro Cozzi e capa de Maurizio Dotti.

Especial Tex Willer – Fantasmas de Natal, versão italiana

Trata-se de um volume insólito com cores incomuns e surpreendentes, mais especificamente são histórias em preto & branco, com uma em tons de cinza e outra em tons de castanho. Esta edição especial situa-se cronologicamente entre o final de Tex Willer n° 13 (com a conclusão da história de Mefisto) e o início do n° 14, quando Tex estará no Utah.

Especial Tex Willer – Fantasmas de Natal

As selvagens e desabitadas montanhas Uintah, de acordo com as lendas dos Utes, são a morada de espíritos malignos… Somente os conquistadores espanhóis passaram por lá, há muito tempo, em busca do ouro… Em fuga da lei, Tex procura um refúgio seguro, uma velha cabana, a qual lhe tinha sido falada pelo seu amigo Dusty. Mas, entre tempestades furiosas e avalanches, na cabana acabaram por se esconder três bandidos, uma rapariga sua prisioneira e um garimpeiro que conhece as antigas lendas das Uintah… Histórias de fantasmas para passar o tempo…

Marco Ghion exibe orgulhosamente exemplares italianos do seu Tex Willer Speciale

E por hoje ficamos por aqui, amanhã divulgaremos as restantes novidades Bonellianas porque há que degustar calmamente as emoções que a Mythos nos está a preparar neste final de ano, para nosso deleite e gáudio…

(Para aproveitar a extensão completa das imagens acima, clique nas mesmas)

15 Comentários

  1. Dorival, boa noite.
    A respeito do Super Almanaque eu acredito que está totalmente errado essa proposta. Nos foi dito que proposta eram grandes aventuras de Tex, mais volumosas, e não um compilado de Giovanni Ticci de histórias curtas. Super Almanaque perdeu a mão.
    Golden Pass
    Retorno a Pilares
    A grande viagem do Ortiz
    Esse são apenas alguns títulos que poderiam dar cara a essa coleção.
    Agora, compilar pequenas aventuras?
    Basta eu pegar meus Tex edição histórica e ler. Por favor, não estrague a proposta dessa coleção. Pense nos fãs que aguardavam ansiosos.

  2. Se por um lado vibro com uma edição especial em formato italiano e com papel de qualidade publicando o trabalho deste gênio que é Giovanni Ticci ao mesmo tempo não posso deixar de dar razão ao comentário anterior do Moacir. Trazer para essa série – Superalmanaque – que iniciou de maneira soberba ao publicar uma das melhores e mais longas aventuras do Ranger e com isso deu uma identidade para a coleção, a de publicar grandes arcos de histórias, aventuras curtas, mesmo que do genial Ticci, não seria coerente. Se o caso for homenagear o grande mestre porque então não criar uma outra coleção , talvez chamada Grandes Mestres (hehehehehe) e então aí sim, nesta, colocar grandes ou pequenas aventuras dos maiores nomes da lenda do Ranger Tex Willer.
    De qualquer modo aplaudo a iniciativa da Mythos de seguir com uma idéia que penso deu muito certo, a de uma edição encorpada, com grandes histórias e em formato tanto popular como o também On Demand. Parabéns a Mythos e espero que essa e outras iniciativas tenham vida longa.

  3. Concordo com pard Moacir, teria Retorno a Pilares pra próxima, mas que venham essas histórias.

    • Caro Dorival,
      Concordo com os argumentos do Moacir e do Jesus. A proposta do Superalmanaque era pra grandes histórias. Nada de compilado.
      E concordo com uma nova coleção em formato italiano, claro, que poderia ser Grandes Mestres e nessa coleção publicar um volume pra cada um dos grandes desenhistas de Tex.
      Grande abraço

  4. Boa noite Amigos. Também concordo que o Super Almanaque perde com essa proposta ou melhor, com essa decisão do Editor. Foge da ideia que todos nós esperávamos. Lamento. Será mais um repeteco. Mas a “sugestão” do Jesus acho muito boa. Os Grandes Mestres. Interessante. Talvez dê tempo de alterar…

  5. Bem, “O Massacre de Goldena” (Território índio na versão Vecchi)… é uma história que nunca li direito pois a versão da Vecchi veio com páginas bagunçadas, e é a versão quadrinizada do primeiro livro de Tex. Mas mesmo com esse diferencial eu não vejo motivo pra comprar todo um combo que fora dessa Hq não me interessa em nada… no meu caso eu acharia mais cômodo esperar “O Massacre de Goldena” sair em TEC com o diferencial do colorido ao invés de mais repetecos em preto e branco.

  6. Parabéns Dorival pelo novo SUPERALMANAQUE TEX com novo padrão de qualidade.
    Excelente idéia que fará sucesso.
    As histórias mais curtas da fase de ouro do Ticci são espetaculares.

  7. O melhor presente seria a Mythos despachar os pedidos da loja virtual dela. Puro descaso com os consumidores.

  8. Esperava que a próxima edição fosse Retorno a Pilares, uma pena pois a coleção já está saindo da proposta, mas torço por vocês.

  9. Gostaria muito de ver Retorno a Pilares em formato italiano numa edição parruda. Cairia como luvas na proposta inicial do Superalmanaque.

  10. Seria interessante apresentar essa reclamação da grande maioria ao Dorival sobre a distorção da proposta do Superalmanaque.

  11. Após essas 3 aventuras maravilhosas desenhadas pelo Ticci poderia ser republicadas ainda Terra prometida e A noite dos assassinos.
    Histórias maravilhosas, com Ticci no auge.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *