“Tex e os Heróis do Oeste” – VÍDEO OFICIAL do 1º Festival de Banda Desenhada de Piacenza

“Tex e os Heróis do Oeste”
.
Vídeo oficial do 1º Festival de BD de Piacenza

Por José Carlos Francisco

Tex e os Heróis do Oeste no 1º Festival de BD de Piacenza

Hoje no blogue português do Tex vamos dar a conhecer o VÍDEO OFICIAL do 1º Festival de Banda Desenhada de Piacenza, onde Águia da Noite, Zagor e Mágico Vento foram os protagonistas principais deste Festival italiano de BD que se realizou em Piacenza de 7  a 15 de Dezembro, cujo programa incluiu uma exposição (“Tex e os Heróis do Oeste”) de desenhos originais dos heróis bonellianos, um encontro com os renomados autores Bisi, Dotti, Frisenda, Freghieri e Genzianella para além de outras iniciativas versando o… western!

Frisenda, Freghieri, Dotti, Genzianella e Bisi, as estrelas do 1º Festival de BD de Piacenza

Um facto inusitado deste primeiro Festival de Piacenza é que o mesmo decorreu numa basílica proporcionando ver-se algo muito raro como por exemplo uma imagem gigante de Tex ou mesmo páginas originais do Ranger expostas num altar. Tal ocorreu porque o evento aconteceu no espaço sagrado da igreja de S.S. Vergine del Carmelo, onde durante sete dias heróis e personagens de ficção foram os habitantes da famosa basílica italiana.

Tex, a estrela principal do 1º Festival de BD de Piacenza

Na ocasião estiveram expostas cerca de 200 peças de colecção devidamente apreciadas por imensos jovens e menos jovens com diversos mestres da banda desenhada empenhados em desenhar a sua arte colocando-a à disposição dos visitantes, assim como para responder a perguntas e falar da história da banda desenhada italiana, desde as suas origens até aos nossos dias.

O mundo de Tex exposto em Piacenza

(Para aproveitar a extensão completa das imagens acima, clique nas mesmas)

2 Comentários

  1. Tex, um dos heróis do Oeste em uma mostra maravilhosa com bravos talentos a serviço do Ranger e uma exposição bastante curada.
    As estatuetas da coleção “Il mondo di Tex” (“O Mundo de Tex“) e o Monument Valley ao fundo ficou muito bonito.

  2. Conheço a Itália e italianos no Brasil, e todos, sem exceção, conhecem e leram Tex em sua juventude.
    Tex é realmente um fenômeno na Itália.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *